Confira 8 competências profissionais que todo bom contador precisa buscar

Para responder às mudanças do mundo moderno, os profissionais da área contábil tiveram que se adaptar. Eles deixaram de acompanhar as empresas de suas mesas e passaram a participar ativamente de decisões importantes. Assim, eles tiveram que ampliar suas competências profissionais e passaram a desempenhar o papel de analistas, conselheiros e consultores.

Além disso, as novas ferramentas de gestão, escrituração e tecnologias exigem do contador uma constante atualização para que possam desenvolver suas atividades de forma eficiente.

Quais são as competências profissionais que você deve buscar?

Diante desse novo cenário, fica evidente a necessidade de desenvolver habilidades e competências profissionais que o diferenciem no mercado de trabalho. Acompanhe as dicas que separamos para você!

1. Qualificação

Concluir uma graduação deixou de ser garantia de emprego e sucesso — é preciso também investir em especializações e manter-se constantemente atualizado.

Para acompanhar as mudanças do mercado, um bom contador não deve se acomodar, a fim de não ficar ultrapassado. Sendo assim, procure mais conhecimento por meio de cursos, palestras, congressos e seminários. Mais conhecimento adquirido em determinada área significa uma maior facilidade de apresentar soluções e inovações em um segmento. Essa é uma característica que dá visibilidade ao profissional.

2. Ética e moral

Toda atividade é regida por um código de ética, que prevê como o profissional deve se portar dentro do exercício da profissão, e é importante que você o siga. Lembre-se: é essencial que suas atitudes, ainda que em uma situação não prevista dentro do código, passem pelo crivo da moral. Ou seja, antes de fazer algo, saiba se essa ação é o certo a se fazer.

Durante o exercício da profissão, o contador terá inúmeras chances de cometer deslizes, podendo praticar atos antiéticos e imorais, seja para ajudar um cliente, a empresa onde trabalha ou até a si mesmo. Resista a qualquer tentação! Sua carreira dependerá muito de como você se comporta diante dessas situações.

A honestidade deve pautar toda a sua caminhada dentro dessa profissão. Afinal, você corre o risco de perder oportunidades de emprego e até mesmo clientes devido à má conduta.

3. Teoria e aplicação prática

É preciso conhecer toda a teoria da contabilidade, a legislação e os códigos tributários. Esses conhecimentos nortearão todo o exercício da profissão, mas entender sua aplicação prática é ainda mais necessário.

Os serviços contábeis seguem um padrão para que toda a fiscal/" target="_blank">escrituração fiscal, contábil e análise assegurem a gestão e organização financeira da empresa. A partir da aplicação prática correta da teoria, o departamento de contabilidade consegue gerar relatórios sobre o estado patrimonial, atividades desenvolvidas, situação financeira e ainda prospectar ganhos e prejuízos, antecipando, assim, os próximos passos e decisões que a empresa tomará.

4. Conhecimentos em informática e inovação

Não basta saber usar um computador — é necessário entender a tecnologia e as ferramentas que te auxiliam no dia a dia e no trabalho.

Busque saber como a tecnologia pode aperfeiçoar o desenvolvimento do seu trabalho na empresa. Você não precisa ser um desenvolvedor de sistemas, mas precisa compreender como o departamento de Tecnologia da Informação (TI) pode te ajudar.

É importante que o contador trabalhe juntamente com departamento de TI, para que, juntos, cheguem a soluções e inovaçõesque proporcionem benefícios à empresa nos setores de controladoria, gestão e auditoria. Por meio desse trabalho, é possível inovar o setor de contabilidade, diminuindo o tempo de execução das tarefas e aumentando a rentabilidade da empresa.

5. Habilidades pessoais

O profissional deve investir em algumas habilidades pessoais que farão com que o seu desenvolvimento profissional seja ainda mais completo. É preciso saber ouvir, ter boa capacidade de oratória, desenvolver um bom trabalho em equipe, ser responsável, adaptar-se a mudanças e ampliar seu empreendedorismo e sua estratégia. Esse conjunto de habilidades é o que fará com que o contador seja visto como um bom comunicador, auditor, conselheiro e analista da empresa.

Lembre-se também de manter uma boa rede de contados e relacionamentos, dentro e fora do ambiente de trabalho. Por meio do networking, você poderá obter informações, indicações, trocar ideias e experiências que serão muito úteis no seu desenvolvimento profissional.

6. Análise e processamento de informações

Saber reunir, interpretar, processar e filtrar todos os dados contábeis da empresa são competências essenciais para que o contador possa ajudar a nortear as decisões futuras de um negócio.

Para desenvolver bem essas habilidades, é importante ser analista e desenvolver pensamento crítico. Esteja atento ao que acontece a seu redor, acompanhe o mercado financeiro, as tendências de crescimento da economia e a política regional, nacional e internacional. Esses fatores influenciam a estabilidade econômica e, consequentemente, a empresa onde você trabalha.

7. Liderança e trabalho em equipe

Muitas vezes, o contador terá que gerir uma equipe ou até mesmo o desenvolvimento de um projeto, e, para isso, é fundamental aprender a liderar e trabalhar em equipe. Sendo assim, invista um tempo para aprender a desenvolver habilidades de um bom líder. Saiba delegar tarefas, gerir conflitos e, principalmente, relacionar-se com os outros, afinal, você lidará com diversos tipos de pessoas.

Lembre-se de que cargos de liderança exigem que você seja um exemplo para seus colaboradores, então seja sempre responsável, pontual e cumpra seus compromissos e prazos. Não deixe que sua competência e sua qualificação sejam colocadas em dúvida.

8. Marketing pessoal — vá além das competências profissionais

Aprenda a vender a si mesmo! Desenvolva um bom trabalho, mas também não se esqueça de expor suas qualidades. Pouco adianta ser um excelente profissional se você não mostra isso para as pessoas que estão à sua volta. O segredo, portanto, é investir em marketing pessoal.

Para isso, aprenda a cuidar de você e da sua imagem, seja proativo, responsável, e honesto. Você deve ter uma postura profissional sempre, ou seja, o profissionalismo deve te acompanhar nas suas ações, na linguagem e no modo de se vestir.

O marketing pessoal só funcionará se você for coerente com a imagem que você vende. Então tome cuidado com suas atitudes, inclusive nas redes sociais. Estamos sempre sendo observados, e um deslize pode colocar tudo a perder.

O contador atual deve ter um extenso conjunto de competências profissionais para se destacar e continuar dentro do mercado de trabalho. Investir em autoconhecimento, na própria imagem e em cursos de qualificação ajudará muito sua carreira.

 

Fonte: BLB Brasil

Comente

Comentários

Deixe uma resposta