13° salário do INSS: A antecipação do pagamento ficou para maio

0

A antecipação do 13° salário vai mesmo ficar para maio, o motivo está no impasse no orçamento de 2021. O Governo Federal está deixando para maio a antecipação da primeira parcela do 13° salário dos aposentados e pensionistas do INSS (Instituto Nacional do Seguro Social).

Isso porque, o governo tinha até quinta-feira (15) para resolver o imbróglio do orçamento e acertar, na lei orçamentária, a antecipação do benefício em abril, o que dificilmente acontecerá. O mais provavel é que a antecipação ocorra somente em maio.

A medida é tida pelo governo como uma forma de injetar dinheiro na economia, além, é claro, de ajudar as famílias durante a crise da pandemia.

O prazo foi até quinta-feira (15) para o presidente decidir se anteciparia o 13° salário, que está ligado ao período de encerramento dos cálculos de gastos regulares que serão realizados pela Previdência com a folha no mês de abril, procedimento que é realizado sempre na primeira metade de cada mês do ano.

O calendário de pagamento do INSS começará no dia 26 de abril e terminará em 7 de maio de 2021. Em tese, o governo teria mais alguns dias para resolver o problema dos aposentados.

No entanto, o processamento da folha de pagamento começa antes, com uma etapa de cálculos feitos pelo Datraprev, empresa de tecnologia da Previdência Social. O período de cálculo de abril se encerrou na quinta-feira (15), segundo o órgão.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil