O Brasil está despreparado para experimentar uma revolução digital. Considerando dados sobre a desigualdade no País, essa é uma das principais conclusões do novo estudo da Análise Econômica Consultoria 

Aproximadamente 30% da população brasileira não tem acesso algum a internet e somente 15 a cada 100 pessoas possuem internet banda larga em casa.

Das 225,3 milhões de linhas telefônicas móveis, quase 30% não dispõem da tecnologia 4G e aproximadamente 111 milhões delas estão na modalidade de pré-pago.

Além disso, cerca de 49% de todas as linhas telefônicas móveis e 55% de todos os acessos à internet banda larga fixa estão na região sudeste do Brasil.

Segundo os economistas responsáveis pelo estudo, é fundamental que se façam pesados investimentos em infraestrutura de tecnologia de informação para que o Brasil possa efetivamente aproveitar a revolução tecnológica em curso.

Essa é a direção tomada pelo desenvolvimento econômico das nações mais ricas – basta observar que as maiores empresas do mundo são justamente de tecnologia, como Amazon, Apple, Facebook e Google.

Por Análise Econômica Consultoria, Com a missão de produzir estudos e análises econômicas que contribuam para uma melhor compreensão da realidade, a Análise Econômica Consultoria visa permitir tomadas de decisão mais assertivas por parte de pessoas, empresas e instituições públicas.