De acordo com dados apurados pela Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (PEIC) feita pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), cerca de 63,4% dos brasileiros se encontram endividados e sem saber como se organizarem financeiramente para eliminar definitivamente estas dívidas.

Isso acontece porque a maior parte da população brasileira não sabe como lidar com suas finanças, pois o país não oferece uma cultura de educação financeira apropriada e condizente com a necessidade da população, e por esse motivo essas pessoas acabam recebendo seus salários em um dia e no outro já estão no vermelho novamente.

Se você é uma dessas pessoas, saiba que com algumas mudanças pontuais é possível se livrar definitivamente destas dívidas e ainda aprender a se organizar financeiramente

Neste artigo apontamos 7 passos para se livrar das dívidas que também vão ensiná-lo como cultivar hábitos financeiros saudáveis para não voltar a se endividar.

7 Passos para se livrar das dívidas

O grande causador do endividamento das pessoas costuma ser o descontrole financeiro, pois as mesmas não sabem como lidar com cartão de crédito, cheque especial e empréstimo pessoal, e infelizmente acabam entrando em um ciclo de dívidas do qual não conseguem sair sozinhas.

Mas felizmente existem algumas ações que podem e vão ajudá-lo a sair desta situação de maneira simples e fácil. 

Veja a seguir:  

Liste suas dívidas, despesas e gastos

O primeiro passo para sair do endividamento é saber todas as suas dívidas, despesas fixas e gastos gerais, pois é necessário ter total conhecimento de seus gastos, uma vez que saber para onde está indo seu dinheiro além de mostrar os possíveis erros que estão sendo cometidos, também aponta possibilidades para redesenhar seu estilo de vida.

Caso não tenha os dados das suas dívidas negativadas, é recomendado que procure os mesmos junto a Órgãos de Proteção ao Crédito, como Serasa, SPC e SCPC, para que tenha todas as informações necessárias para organização e posterior regularização.  

No site do Oportunidades Profissionais, você também encontra um guia para saber se o nome está sujo, totalmente gratuito e online.

Organize seu orçamento

O próximo passo para sair do vermelho e se livrar definitivamente das dívidas é organizar seu orçamento por meio de um planejamento financeiro completo, desenhado para definir uma trajetória que seja capaz de organizar suas finanças para que consiga atender às suas necessidades atuais e aos seus anseios futuros.

Organizar seu orçamento é fundamental para identificar seus hábitos econômicos nocivos para que possa mudá-los e/ou alterá-los, além de permitir o gerenciamento das suas finanças, o que posteriormente também irá auxiliá-lo a manter-se comprometimento para continuar com as finanças organizadas.

Tenha metas e objetivo financeiros

É imprescindível criar metas e objetivos de curto, médio e longo prazo, pois ter metas e objetivos bem definidos é uma tática muito válida para incentivar o controle de gastos por impulsos com coisas supérfluas, uma vez que nós, seres humanos, precisamos de justificativas para pautar nossas escolhas financeiras.

As metas e objetivos ajudam muito a mudança de mentalidade, que é muito necessária quando se está endividado, visto que possibilita o entendimento de que todas as mudanças e alterações que estão sendo feitas na sua vida financeira são necessárias para sua saúde física, mental e financeira.

Corte gastos desnecessários

O próximo passo é um pouco difícil, mas com força de vontade e um pouco de empenho é possível encontrar algumas despesas e gastos desnecessários que podem ser cortados ou reduzidos. O corte ou redução de despesas e gastos visa possibilitar a adequação da sua vida a sua nova realidade financeira para que consiga sair do vermelho.

Estes cortes e/ou reduções são temporários, ou seja não precisam ser permanente, mas devem ser feitos em um primeiro momento, pois tem o objetivo de ajudá-lo a alavancar suas finanças para que você consiga se livrar definitivamente das dívidas.

Tenha um plano para ganhar dinheiro extra

Em alguns casos específicos, onde o corte e/ou redução de gastos e despesas não são o suficiente para tirar uma pessoa endividada do vermelho é interessante ter um plano para conseguir ganhar mais dinheiro, um extra, e consequentemente aumentar a renda.

Atualmente existem muitas opções de negócios, provisórios ou não, como revenda de produtos, venda de produtos artesanais e outros, que são lucrativos e exigem baixo investimento e podem garantir ganhos significativos e o aumento da renda para a aplicação ou investimento necessário.

Negocie suas dívidas

Negociar as dívidas é fundamental para sair do vermelho, pois não adianta saber todos os dados das suas dívidas, organizar seu orçamento, cortar gastos e não tomar uma atitude para mudar esse cenário. 

Então, entre em contato com a instituição pertinente e comunique seu interesse em quitar sua dívida.

O ideal é negociar primeiro as dívidas acumuladas que geram juros altos, pois quanto mais rápido quitar esta dívida menos será gasto com juros. 

Também é interessante negociar, se possível, contas fixas que estejam em atraso e que podem se acumular no futuro.

Em caso de parcelamento da dívida, junto às empresas responsáveis, é importante ter certeza de que a parcela combinada caberá no seu orçamento mensal, pois caso a mesma não seja paga o acordo será desfeito e você terá novamente uma dívida a mais para se preocupar.

7º passo – Faça uma reserva de emergência

Após conseguir quitar suas dívidas e limpar o nome no SPC/Serasa, o ideal é começar a investir em uma reserva de emergência. 

Ação que consiste em juntar, mensalmente, e guardar uma quantia de dinheiro, em uma conta preferencialmente separada, para eventuais imprevistos que possam ocorrer.

Essa reserva é interessante para que caso ocorra um imprevisto, nunca se sabe quando algo pode ocorrer, você consiga evitar pedir empréstimos com juros abusivos a instituições e/ou pessoas próximas, pois esse pode ser uma possível fonte de novos endividamentos, e consiga contar com sua própria reserva pessoal.

Dica para não voltar a se endividar

Para conseguir manter o nome limpo, sem endividamentos ou atrasos, é necessário continuar fazendo um controle rigoroso do seu orçamento, além é claro de manter os hábitos financeiros saudáveis, citados nos passos acima, para que consiga aumentar suas possibilidades de conquistar a sonhada independência financeira.

Vale lembrar, que o mercado, hoje, oferece muitas opções de ferramentas que são destinadas a ajudar as pessoas na organização das suas finanças, assim sendo o mais recomendado é investir em educação financeira para aprender a consumir de maneira inteligente e consciente para conseguir realizar seus sonhos.

Lembre-se que saber cuidar do seu dinheiro é essencial, afinal de contas, existem muitas armadilhas que podem se transformar em dívidas em um futuro próximo, e saber evitá-las pode mudar sua vida.

[elementor-template id=”121690″]

Deixe uma resposta

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.