O pagamento do primeiro lote do abono salarial do PIS 2019/2020 começa a ser liberado nesta terça-feira (14). Funcionários de privadas que possuem conta na Econômica Federal nascidos nos meses de janeiro e fevereiro já podem ter acesso ao benefício. Os valores variam de R$ 87 a R$ 1039, de acordo com a quantidade de dias trabalhados durante o ano base 2018.

Os servidores públicos, por sua vez, só começam a receber o benefício do na quinta (16). O começa os abonos para os servidores com número final de inscrição de dígito “5”.

O pagamento é referente a meses trabalhados a partir de 2018 e varia de acordo com quantidade de meses. Quem trabalhou o período mínimo de 30 dias recebe R$ 86,50. Para quem trabalhou 12 meses, o valor chega ao máximo, que é R$ 1.039.

São mais de 3,6 milhões de trabalhadores nascidos em janeiro e fevereiro, totalizando R$ 2,6 bilhões em recursos injetados na economia. O valor do benefício pode ser do no Aplicativo Trabalhador, no site da (www.caixa.gov.br/PIS) ou pelo Atendimento ao Cidadão: 0800 726 0207.

Em relação ao PIS/ em 2019, os valores sofreram aumento. No ano passado era R$ 84 (30 dias) e R$ 998 (12 meses).

Para ter direito, o trabalhador precisa:

Estar cadastrado no PIS há pelo menos cinco anos;

Ter recebido remuneração mensal média de até dois salários mínimos durante o ano-base;

Ter exercido atividade remunerada para Pessoa Jurídica, durante pelo menos 30 dias, consecutivos ou não, no ano-base considerado para apuração;

Ter seus dados informados pelo empregador (Pessoa Jurídica) corretamente na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS).

Pagamento do Abono Salarial

O pagamento pode ser realizado:

por crédito em conta, quando o trabalhador possui conta corrente ou poupança na ;

nos eletrônicos, nas Casas Lotéricas e nos Correspondentes Aqui utilizando o do Cidadão;

em agência da , apresentando o número do PIS e um documento oficial de identificação.

Com informações cidade verde