Trabalhador que aderir ao saque-aniversário pode antecipar 3 anos de saque do FGTS

Veja como funciona o processo de adesão ao saque-aniversário e como antecipar até três anos de uma vez

O Saque-aniversário é uma modalidade de saque parcial do FGTS relativamente nova, que entrou em vigor no dia 24 de julho de 2019 por meio da Medida Provisória (MP) nº 889. Pela modalidade o trabalhador pode optar por receber anualmente uma percentual do Fundo de Garantia e mais uma parcela fixa. Os valores a receber variam de 50% a 5% de todo o montante, e uma parcela R$ 50 e R$ 2.900 dependendo do salário.

Apesar de ser uma medida que chegou com certa estranheza por parte dos trabalhadores, até porque possui algumas condições que necessitam de atenção, como é o caso de que quem opta pelo saque-aniversário perde direito ao saque em caso de demissão, com o passar do tempo a modalidade vem aderindo cada vez mais trabalhadores.

Além disso, o trabalhador que adere à modalidade de saque-aniversário pode conseguir antecipar até três anos de recebimento de uma única vez. A antecipação ocorre através de um crédito liberado pela Caixa Econômica Federal, em que o trabalhador garante o saque-aniversário do FGTS para recebimento do empréstimo. A seguir explicamos tudo sobre o saque-aniversário e sua antecipação.

Como funciona o saque-aniversário

O trabalhador que adere ao saque-aniversário pode resgatar uma parte do saldo do FGTS até dois meses após o aniversário, no entanto, a adesão a modalidade de saque anual, o trabalhador perde acesso ao saque total do FGTS em caso de demissão sem justa causa, mais conhecido como saque-rescisão.

Além disso, caso o trabalhador se arrependa da adesão ao saque-aniversário, o período de carência será de 25 meses, ou seja, o trabalhador só poderá voltar a receber o saque-rescisão no primeiro dia útil do 25º mês seguinte ao da solicitação, logo, serão necessários aguardar dois anos e um mês.

A adesão ao saque-aniversário deve ser feita até o último dia do mês de aniversário, para que o trabalhador consiga receber no mesmo ano em que optou pela modalidade. Além disso, caso o trabalhador decida por não sacar o recurso quando o mesmo estiver disponível, o montante voltará automaticamente para a conta do trabalhador, após o período disponível para saque.

Saque-aniversário em alta

Com a modalidade cada vez mais em alta, hoje o saque-aniversário já conta com a adesão de mais de 12,9 milhões de trabalhadores até agosto de 2021, o que representa um montante de R$ 16,5 bilhões em resgates, conforme balanço divulgado pelo Ministério da Economia.

Somente este ano, mais de 5,2 milhões de trabalhadores aderiram à modalidade, onde mais R$ 8,1 bilhões foram disponibilizados em mais de 10,3 milhões de saques. Além disso,  o valor médio do saque dos trabalhadores está em R$ 787 por trabalhador.

O saque-aniversário possui uma tabela específica, onde o trabalhador consegue verificar qual será o valor em que o mesmo receberá. Existem algumas faixas de saldo para as contas do FGTS. A porcentagem do saque-aniversário é fixada para cada uma delas.

Contas que tiverem mais de R$ 500 serão acrescidas de uma parcela fixa: o trabalhador poderá sacar, além da porcentagem estabelecida, esse valor predeterminado. A tabela a seguir mostra o quanto cada trabalhador poderá sacar de cada conta que possui, a depender do saldo que ela tem:

Faixas de saldoAlíquotaParcela adicional fixa
Até R$ 50050%
de R$ 500,01 até R$ 1 mil40%R$ 50
de R$ 1.000,01 até R$ 5 mil30%R$ 150
de R$ 5.000,01 até R$ 10 mil20%R$ 650
de R$ 10.000,01 até R$ 15 mil15%R$ 1.150
de R$ 15.000,01 até R$ 20 mil10%R$ 1.900
Acima de R$ 20.000,015%R$ 2.900

Como aderir ao saque-aniversário

O saque-aniversário pode ser aderido por meio dos canais de atendimento da Caixa, sendo eles:

O trabalhador que não tenha conta na Caixa, seja poupança ou conta-corrente pode solicitar o recebimento em qualquer outra instituição bancária por meio do crédito em conta.

Calendário de saques

Como o saque-aniversário fica disponível a partir do mês de aniversário, podem aderir a modalidade para receber este ano os trabalhadores que nasceram nos meses de agosto, setembro, outubro, novembro e dezembro. Os demais trabalhadores que aderiram à modalidade por agora só receberão em 2022.

O calendário de saques permite que o trabalhador faça a retirada até dois meses após o mês de nascimento, assim, ainda podem resgatar os valores os seguintes trabalhadores.

  • Nascidos em junho — saques de junho a agosto
  • Nascidos em julho — saques de julho a setembro
  • Nascidos em agosto — saques de agosto a outubro
  • Nascidos em setembro — saques de setembro a novembro
  • Nascidos em outubro — saques de outubro a dezembro
  • Nascidos em novembro — saques de novembro de 2021 a janeiro de 2022
  • Nascidos em dezembro — saques de dezembro de 2021 a fevereiro de 2022

Antecipação de três anos do saque-aniversário

O trabalhador que busca por uma grana um pouco maior, poderá contar com a opção de antecipação de até três anos de saque-aniversário de uma vez só. A possibilidade acontece através de um empréstimo em que o trabalhador garante o saque-aniversário para recebimento do crédito.

Como a opção ocorre por meio de uma garantia, o risco de inadimplência é muito baixo, logo, é possível encontrar excelentes opções onde as taxas de juros costumam ser em média até 35% mais barata que as demais linhas de crédito. Nessa modalidade de crédito, o trabalhador solicita o valor a uma instituição financeira de confiança e o empréstimo sendo aprovado, os valores serão pagos com seu saque-aniversário. 

Todo trabalhador que optou pela modalidade poderá solicitar o empréstimo com garantia. Onde a instituição financeira deixará o trabalhador ciente das condições, relativas a parcelas que podem ser antecipadas, taxa de juros e valor final a receber.

Adesão

Vamos dar exemplo na modalidade de crédito disponibilizada pela Caixa Econômica Federal, para que o trabalhador entenda como funciona. Atualmente, o trabalhador que busca por antecipar o saque-aniversário conta com as seguintes condições oferecidas pela Caixa:

  • Taxa de juros de: 0,99% ao mês;
  • Acumulado de juros por ano: 12,54%;
  • Valor mínimo que a Caixa libera no empréstimo: R$ 2 mil;
  • Antecipação: de até 3 anos do saque-aniversário do FGTS.

A adesão a antecipação do saque-aniversário pode ser feita pelo próprio aplicativo FGTS, ou ainda pelo Internet Banking, para os correntistas da Caixa. O processo de adesão é simples e permite a simulação antes da contratação, vejamos:

  • Acesse o aplicativo do FGTS ou o internet banking da Caixa;
  • Seleciona a opção da linha de crédito;
  • Preencha quantas parcelas e valores pretende adiantar;
  • Realize a simulação;
  • Caso os valores correspondam com o que você procura clique em “Contratar”;
  • Adicione sua assinatura eletrônica;
  • Salve o comprovante e pedido realizado.

Comentários estão fechados.