O pagamento do auxílio emergencial começou a ser feito hoje. De acordo com o presidente Bolsonaro, o dinheiro do benefício é destinado para os trabalhadores que foram afetados pela pandemia do coronavírus a conseguirem se manter.

Muitas pessoas estão perdendo seus empregos ou tendo suas rendas reduzidas pela pandemia. Exatamente por isso, o auxílio nomeado como coronavoucher, será pago em 3 parcelas. O valor pode chegar a R$ 1.200

Para ajudar os trabalhadores de carteira assinada, foi publicado ontem (8) a MP que permite o saque de R$ 1.045 das contas do Fundo de Garantia (FGTS) entre as datas de 15 de junho a 31 de dezembro.

Saque das contas do FGTS

FGTS

Bolsonaro já liberou o saque do FGTS a partir de junho. Agora a responsável pela gestão do pagamento do FGTS a Caixa econômica, definira todos os critérios e o cronograma de retirada.

Na mesma MP ficou decidido ainda pelo encerramento do Fundo do PIS/Pasep. Do qual esta é mais uma das formas de amenizar os impactos da pandemia na economia brasileira.

De acordo com o ministro da Economia, Paulo Guedes, existem cerca de R$ 22 bilhões no Fundo PIS/Pasep. As pessoas já foram chamadas várias vezes para retirar a quantia, primeiro os proprietários e depois os herdeiros.

O ministro explica que a ideia é fundir com o FGTS. Também será feita uma reserva, caso os herdeiros apareçam. Estes terão seus direitos mantidos. Com a quantia guardada, cerca de R$ 20 bilhões de recursos, que vão sobrar, serão liberados.

Paulo Guedes explica ainda que a ideia é fundir com o Fundo de Garantia. Será feita também uma reserva caso os herdeiros solicitem o dinheiro. Com a quantia guardada, cerca de R$ 20 bilhões de recursos, que vão sobrar, serão liberados.

Calendário ativo FGTS

A caixa econômica, afirmou ainda que pelo menos 2 milhões de pessoas optaram pelo saque-aniversário para a retirada do FGTS. A modalidade do saque aniversário é voltada para os trabalhadores que desejam sacar o fundo todos os anos.

Confira o calendário do saque-aniversário do FGTS 2020:

  • Nascidos em janeiro e fevereiro:  Saques de abril a junho de 2020;
  • Nascidos em março e abril:  Saques de maio a julho de 2020;
  • Nascidos em maio e junho: Saques de junho a agosto de 2020;
  • Nascidos em julho: Saques de julho a setembro de 2020;
  • Nascidos em agostos: Saques de agosto a outubro de 2020;
  • Nascidos em setembro: Saques de setembro a novembro de 2020;
  • Nascidos em outubro: Saques de outubro a dezembro de 2020;
  • Nascidos em novembro: Saques de novembro de 2020 a janeiro de 2021;
  • Nascidos em dezembro: Saques dezembro de 2020 a fevereiro de 2021.

O trabalhador pode retirar uma parcela de 5% a 50% do que tem na conta do FGTS, além de uma quantia fixa. Esse valor varia de acordo com o saldo. Confira abaixo:

SaldoAlíquotaParcela Adicional
Até R$ 50050%0
De R$ 500,01 a R$ 1.000,0040%R$ 50,00
De R$ 1.000,01 a R$ 5.000,0030%R$ 150,00
De 5.000,01 a R$ 10.000,0020%R$ 650,00
De R$ 10.000,01 a R$ 15.000,0015%R$ 1.150,00
De R$ 15.000,01 a R$ 20.000,0010%R$ 1.900,00
Acima de R$ 20.000,015%R$ 2.900,00

Diversos trabalhadores possuem dúvidas sobre qual é melhor e se o saque-aniversário pode ser a melhor opção para retirada do dinheiro. Pensando nisso, o ideal é simular pelo site oficial da Caixa ou através do aplicativo FGTS para ver o que pode ser melhor pra você.