Aspectos contábeis de uma grande empresa

0

A contabilidade é essencial para qualquer tipo de empresas, ou seja, independente de ser uma empresa de pequeno, médio ou grande porte.

No entanto, existem aspectos contábeis diferentes de acordo com o tamanho de cada instituição.

Vale salientar que os princípios contábeis estabelecem critérios e procedimentos que são específicos e obrigatórios para as mais variadas entidades.

Diante disto, trouxemos os aspectos contábeis de uma grande empresa que são de suma importância para o negócio.

Grande empresa

Uma empresa de grande porte se diferencia geralmente pelo faturamento, por isso, recebe distintas obrigações por alguns governos.

De acordo com a Lei N° 11.638 de 28 de dezembro de 2007, uma empresa de grande porte possui os seguintes atributos:

  • Ativo total superior a R$ 240.000.000,00 (duzentos e quarenta milhões de reais) no exercício social anterior;
  • Ou receita bruta (anual) superior a R$ 300.000.000,00 (trezentos milhões de reais).

Sendo assim, pode ser uma sociedade ou até mesmo um conjunto de sociedades, que possui controle comum com os atributos citados acima.

O faturamento determina se a empresa é de grande porte, portanto, não importa qual é a forma jurídica, isto é, S.A. Ltda., entre outras.

Aspectos contábeis para empresas de grande porte

Por ser considerada uma grande empresa ela fica obrigada a fazer publicações das suas demonstrações contábeis.

Ademais, os aspectos contábeis para empresas de grande porte estão relacionados com o CPC (Comitê de Pronunciamentos Contábeis).

Grandes empresas recebem o uso do CPC diferente se comparado com as PMEs (pequenas e médias empresas).

Assim sendo, é aplicado o CPC pleno, ou também conhecido como integral.

Atualmente existem 47 CPCs (Pronunciamentos Técnicos) emitidos, além disso, também há orientações e interpretações técnicas.

Desse modo, as organizações de grande porte são obrigadas por lei, em alguns casos por órgãos reguladores, a fazerem uso do conjunto completo de CPC.

Sendo assim, alguns exemplos do CPC para grande empresa são:

ISS / Designed by @mindandi / Freepik
Designed by @mindandi / Freepik

Ativos e passivos financeiros

Há pouco tempo, as entidades que se reportam a IFRS (International Financial Reporting Standards), precisavam contabilizar 4 grupos de instrumentos financeiros:

  • Ativos e passivos financeiros que possua avaliação de valor justo e contrapartida no resultado;
  • Investimentos resistentes até a data do vencimento;
  • Empréstimos e recebíveis;
  • Ativos financeiros livres para venda.

Desde que a IFRS 9 entrou em vigor, foram eliminados das categorias de mensuração os seguintes Instrumentos Financeiros: 

  • – Reconhecimento e mensuração para títulos conservados até o vencimento;
  • – Empréstimos recebíveis e disponíveis para venda.

Custos de empréstimos

No caso das grandes instituições os custos referentes aos empréstimos devem ser capitalizados.

Isso quando associados diretamente a aquisição, construção, assim como, a produção de um ativo que seja qualificado.

Agora nos casos de empréstimos que estão ligados a outras finalidades precisam ser considerados como despesas. 

Ativos intangíveis

Para grandes empresas os ativos intangíveis que possuem vida útil indefinida não precisam passar por amortização.

No entanto, as organizações de grande porte devem testar os ativos por meio do teste de Impairment.

O teste para verificar se os ativos da instituição estão desvalorizados, precisa ser feito uma vez ao ano.

Isso, mesmo que os ativos não apresentem perda de valor.

Estes são alguns dos aspectos contábeis de uma grande empresa, mas, existem outros que você precisa conhecer, portanto, para saber mais sobre o assunto clique aqui.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.