Atualização do MEI: veja os dados que você pode alterar

0

Se você precisa fazer alguma mudança de dados ou incluir alguma informação na sua inscrição MEI (microempreendedor individual), saiba que é possível fazer alterações e manter suas informações sempre atualizadas.

Isso também auxilia o acompanhamento do desenvolvimento do seu negócio pelos órgãos fiscalizadores. 

Desta forma, elaboramos este artigo para te contar como é simples fazer esse procedimento que é feito através do Portal do Empreendedor.

Desde o início deste ano, a plataforma é acessada através do novo endereço: gov.br/mei. 

Através dessa mudança, o microempreendedor individual pôde contar com um sistema mais simplificado, o que facilitou o acesso.

Além disso, também foram incluídos mais serviços relacionados ao regime. Portanto, se você quer fazer alguma alteração em seus dados, continue acompanhando este artigo. 

Portal do Empreendedor

O site foi criado para facilitar o acesso dos empreendedores aos serviços digitais. Então, saiba que todos os procedimentos relacionados ao MEI podem ser realizados por meio do novo endereço, são eles: 

  • Abertura do MEI que é feita de forma gratuita;
  • Emissão de guias mensais para pagamento;
  • Alteração de dados cadastrais da empresa;
  • Nota fiscal;
  • Informações sobre Declaração Anual do Simples Nacional para o Microempreendedor Individual (DASN-SIMEI);
  • Informação sobre qualificação do MEI;
  • Informação sobre créditos;
  • Crédito emergencial devido à pandemia;
  • Informação sobre programas de incentivo ao empreendedor;
  • Atividades do MEI;
  • Legislação;
  • Estatísticas;
  • Parcerias;
  • Baixa do MEI, etc. 

Alteração de dados 

Dentre as informações que podem ser alteradas através da plataforma, estão os seguintes dados:

  • Documento de identidade;
  • Telefones para contato;
  • E-mail
  • Nome fantasia;
  • Capital social;
  • Ocupações;
  • Forma de atuação; e
  • Endereços comercial ou residencial.

O serviço também está disponível para que o empreendedor mantenha as informações da empresa atualizadas, assim, têm a oportunidade de participar de ações do governo voltadas ao incentivo do desenvolvimento do seu negócio.

Então, saiba que esse procedimento é simples e rápido! Veja os passos a seguir: 

  • Para fazer a alteração, acesse o Portal do Empreendedor;
  • Clique em “Solicitar”;
  • Assim, você será direcionado à uma nova página onde deve informar os dados da sua conta de acesso único do governo;
  • Assim, informe o Código de Acesso Simples Nacional, caso não possua poderá ser gerado na própria página;
  • Clique em “Continuar”;
  • Atualize as informações necessárias;
  • Na mensagem de confirmação, clique no botão Certificado para gerar o CCMEI atualizado.

O CCMEI é um documento  que informa a regularidade do empreendimento e também possui caráter de alvará de funcionamento.

Podemos dizer que o CCMEI funciona como o contrato social do MEI, por isso, ele pode ser solicitado, por exemplo, quando for necessário a comprovação das informações do MEI em bancos e outras instituições. 

Por isso, destacamos a importância de manter as informações do MEI atualizadas, emitir esse documento e guardá-lo. 

Regras

Segundo informações do Portal do Empreendedor, o MEI pode efetuar, por dia, até dois acessos para alteração dos dados, com no máximo de 8 eventos (campos) de alteração por vez no formulário.

Sendo assim, por dia, o sistema permite a alteração de até 16 campos de informações do MEI, dividido em 2 acessos. 

Para que você entenda melhor, pense no seguinte exemplo: caso precise alterar 10 campos de informações/dados do CNPJ MEI, no primeiro acesso, realize a alteração/atualização de 8 campos, finalize o procedimento de alteração.

Faça um novo acesso para alterar/atualizar os 2 campos restantes.

Dica Extra do Jornal Contábil: MEI saiba tudo o que é preciso para gerenciar seu próprio negócio.  Se você buscar iniciar como MEI de maneira correta, estar legalizado e em dia com o governo, além de fazer tudo o que é necessário para o desenvolvimento da sua empresa, nós podemos ajudar. 

Já imaginou economizar de R$ 50 a R$ 300 todos os meses com toda burocracia, risco de inadimplência e ainda ter a certeza que está fazendo suas declarações e obrigações de forma correta.

E o melhor é que você pode aprender tudo isso em apenas um final de semana. Uma alternativa rápida e eficaz é o curso MEI na prática. Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que um MEI precisa saber para ser autônomo e nunca mais passar por dificuldades ao gerir o seu negócio. 

Quer saber mais? Clique aqui e mantenha sua empresa MEI em dia!

Por Samara Arruda