Auxílio-doença sem perícia, como solicitar e documentos necessários

0

Os trabalhadores que se tornam temporariamente incapazes de realizar suas atividades profissionais podem contar com o auxílio-doença que é atualmente o benefício mais concedido pelo INSS, mas para ter acesso é necessário passar por uma perícia médica.

Esse procedimento é muito importante para o segurado, pois é através dele que se comprava o estado de saúde para ser concedido o benefício.

No entanto em razão da pandemia do covid-19 as perícias médicas foram suspensas na modalidade presencial, e desde então o assunto foi muito discutido, para chegar a uma forma de continuar o atendimento desses segurados que não conseguiam dar andamento no processo de solicitação do seu benefício junto ao INSS, mas diante dessa situação que levou muita gente ao estresse, hoje eu trago boas notícias para vocês, pois finalmente foi aprovado o auxílio doença sem a perícia médica presencial.

Confira nosso vídeo completo!

A Lei  14.131/2021 que garante esse processo foi sancionada pelo presidente da república, Jair Bolsonaro na última quarta-feira dia 31 de março, e autoriza que o INSS possa conceder o auxílio-doença e benefícios por incapacidade sem que seja necessário a realização da perícia médica presencial.

Documentos 

O pedido de auxílio-doença ou outro benefício por incapacidade ocorrerá mediante apresentação de atestado médico, Laudos, exames de imagens e outros documentos complementares por meio do site ou aplicativo Meu INSS. 

A duração máxima do benefício será de 90 dias, não sendo possível prorrogar o benefício.

Em casos onde a incapacidade persistir será necessário realizar um novo pedido do auxílio doença junto ao INSS, passando por uma nova análise para a concessão do benefício.

De acordo com o governo, o modelo deste ano é mais rigoroso que a antecipação adotada no ano passado, quando era necessário apresentar apenas um atestado médico.

Agora a análise não ficará limitada apenas a esse atestado, será necessário apresentar documentos complementares que comprovem a incapacidade temporária.

Designed by LightField Studios / shutterstock
Designed by LightField Studios / shutterstock

Requisitos

Sobre os requisitos para solicitar o auxílio doença, é necessário uma carência mínima de 12 meses de contribuições para solicitar esse benefício, tem os documentos que comprove a doença ou acidente que o tornou temporariamente incapaz para o seu trabalho, e no casos de funcionários, é necessário estar afastado do trabalho por mais de 15 dias.

Como solicitar

Para pedir o auxílio doença é um processo bem simples, vou te explicar agora o passo a passo:

  • Primeiramente Acesse o site do Meu INSS, ou baixe o aplicativo no seu celular;
  • Em seguida Faça o login informando seu CPF e senha, ou crie uma nova senha caso seja o primeiro acesso;
  • Depois Selecione a opção Benefícios e em seguida a opção Auxílio-doença e logo depois a opção Novo requerimento, onde deverá ser anexado todos os documentos solicitados. Após realizar esse processo será gerado seu comprovante e por fim é só aguardar a análise do INSS.

Obrigado por assistir até aqui, não se esqueça de dar um like no vídeo, deixar seu comentário se inscrever no canal, ativar o sininho para receber as próximas notificações. Até mais!

Dica Extra do Jornal Contábil: Compreenda e realize os procedimentos do INSS para usufruir dos benefícios da previdência social. 

Já pensou você saber tudo sobre o INSS desde os afastamentos até a solicitação da aposentadoria, e o melhor, tudo isso em apenas um final de semana? Uma alternativa rápida e eficaz é o curso INSS na prática

Trata-se de um curso rápido, porém completo e detalhado com tudo que você precisa saber para dominar as regras do INSS, procedimentos e normas de como levantar informações e solicitar benefícios para você ou qualquer pessoa que precise. 

Não perca tempo, clique aqui e domine tudo sobre o INSS.