Auxílio Emergencial: 3ª parcela começa amanhã para ESTES beneficiários

0

Muitos brasileiros estão ansiosos para o pagamento da terceira parcela do Auxílio Emergencial de R$ 600. Isso porque já passamos do meio do mês e até agora não tivemos a confirmação do calendário de pagamento do terceiro lote.

Apesar do governo não ter divulgado oficialmente o calendário para todos os brasileiros, um grupo de beneficiários já recebe nesta quarta-feira (17). Se você quer saber quem recebe amanhã e as últimas notícias sobre a terceira parcela, acompanhe!

Quem recebe a terceira parcela essa semana?

Os primeiros beneficiários a receberem a terceira parcela do Auxílio Emergencial são os cadastrados no Bolsa Família, para este grupo o calendário já está definido. Mais precisamente recebem nesta semana os beneficiários com o NIS final de 1 a 3. Confira à seguir o calendário completo para beneficiários do Bolsa Família.

  • dia 17: NIS final 1
  • dia 18: NIS final 2
  • dia 19: NIS final 3
  • dia 22: NIS final 4
  • dia 23: NIS final 5
  • dia 24: NIS final 6
  • dia 25: NIS final 7
  • dia 26: NIS final 8
  • dia 29: NIS final 9
  • dia 30: NIS final 0

Como vai funcionar a terceira parcela para os demais beneficiários?

auxilio emergencial

Mesmo sem a liberação , já foi divulgado como funcionará o pagamento da terceira parcela. Assim como aconteceu no pagamento da segunda parcela, nesta o governo dividira o calendário em três grupos distintos, onde o primeiro grupo a receber é o de inscritos no Bolsa Família, o segundo grupo para quem vai receber o pagamento em conta poupança social digital da Caixa e o último grupo para quem deseja sacar o Auxílio em dinheiro ou transferir para outros bancos.

Outra informação já confirmada é a de que os trabalhadores informais e os demais públicos que não envolvam o Bolsa Família poderão sacar o auxílio em dinheiro apenas 10 dias após a liberação do depósito em conta poupança social digital no app Caixa Tem.

Seguindo a ordem de pagamento o cronograma se estenderá até o início do mês de julho.

Terceira parcela do Auxílio Emergencial pode ser cortada?

Para poder pagar a terceira parcela, o governo irá fazer uma reanálise de todos os cadastros que já foram aprovados e se eles ainda estão cumprindo os requisitos necessários. Você que recebe o Auxílio Emergencial e nesse meio tempo conseguiu um trabalho formal, a informação irá constar na Carteira de Trabalho e o sistema irá analisar os dados do benefício e irá vetar o pagamento.

Confira à seguir os motivos que podem impedir que você receba a próxima parcela:

  • Quem já conseguiu um emprego formal durante a pandemia;
  • Quem começou a receber outro benefício entre as parcela do auxílio, como aposentadoria ou seguro-desemprego;
  • A renda da família ficou acima de três salários mínimos (R$ 3.135,00) ou a renda mensal por pessoa da família passou a ser maior que meio salário mínimo (R$ 522,50).

Quando será liberado o calendário completo?

Com expectativas frustradas na última semana que prometiam que o calendário já deveria ter sido liberado, o presidente da república, Jair Bolsonaro, informou em uma live neste último final de semana que o governo está ajustando os últimos detalhes para divulgar nesta semana o calendário completo com todas as informações necessários para o pagamento da terceira parcela do Auxílio Emergencial.

Prorrogação do Auxílio Emergencial

Em discussão sobre o valor da 4ª parcela o presidente Bolsonaro já está convencido em pagar R$ 400 nas parcelas de prorrogação, inicialmente a sugestão era de R$ 200, que posteriormente acabou se tornando de R$ 300 como havia sugerido o ministro da economia Paulo Guedes. Mas agora o presidente já está convencido no valor de R$ 400.