Auxílio Emergencial: Brasileiros com pedido negado vão pode receber os R$ 600

0

Aproximadamente 1,5 milhão de pessoas que foram negadas no auxílio emergencial, vão receber o benefício de R$ 600 nos próximos dias. Estes beneficiários que agora vão ter direito ao auxílio são de brasileiros que haviam contestado a análise feita pela Dataprev e decisão do Ministério da Cidadania que havia os impedidos de receber as parcelas do benefício.

De acordo com a Dataprev a verificação e analise no reconhecimento do direito do cidadão de receber o auxílio emergencial se restringe apenas a primeira parcela, sendo assim, para a autorização dos demais pagamentos das parcelas será realizado pelo Ministério da Cidadania.

De acordo com a Dataprev, após a etapa de validação das informações das informações pelo órgão gestor do programa, “os dados são atualizados no portal de consultas da empresa”, esse conjunto de dados engloba as solicitações feitas nos últimos três meses. Além disso os resultados das análises são encaminhados ao Ministério da Cidadania para que seja homologado.

124 milhões de brasileiros foram beneficiados com o programa

auxilio emergencial

Até o dia 2 de julho, aproximadamente 124,2 milhões de brasileiros foram direta ou indiretamente amparados pelo auxílio emergencial do governo.

Esse número de 124,2 milhões contam com 65,4 milhões de pessoas elegíveis ao programa, além dos membros de sua família. Do total de brasileiros que solicitaram o auxílio, 65,4 milhões, ou seja, mais da metade dos inscritos, foram considerados aptos para receberem a ajuda do governo durante a pandemia, no entanto, 42,5 milhões de brasileiros não estavam em acordo com as exigências e tiveram o auxílio negado.

De acordo com a Caixa Econômica Federal, o montante de mais de R$ 121,1 bilhões já foram distribuídos aos mais de 65 milhões de beneficiários aptos ao recebimento.

Acompanhe o andamento do seu auxílio

Lote 1

  • O lote 1 é relacionado aos aprovados em abril
  • Qual a situação atual para estes aprovados: Este grupo já recebeu a 3ª parcela em conta poupança social digital da Caixa entre 27 de junho e 4 de julho, de acordo com o mês de aniversário. Saques serão liberados entre 18 de julho e 19 de setembro, também conforme o mês de nascimento
  • Quantas parcelas faltam: Faltam para receber a 4ª e 5ª parcela. Porém as datas de pagamento ainda não foram divulgadas.

Lote 2

  • lote 2 é relacionado aos aprovados em maio
  • Qual a situação atual para estes aprovados : Este grupo recebeu a 2ª parcela em conta poupança entre 27 de junho e 4 de julho, de acordo com o mês de aniversário. Saques serão liberados entre 18 de julho e 19 de setembro, também conforme o mês de nascimento
  • Quantas parcelas faltam: Faltam para receber a 3ª, 4ª e 5ª parcela. Porém as datas de pagamento ainda não foram divulgadas.

Lote 3

  • lote 3 é relacionado aos aprovados no início de junho
  • Qual a situação atual para estes aprovados: Até o momento este grupo recebeu a 1ª parcela em conta poupança em 16 ou 17 de junho. Saques da 1ª parcela começaram a ser liberados em 6 de julho e terminam em 14 de julho, de acordo com o mês de aniversário
  • Quantas parcelas faltam: Faltam para receber a 2ª, 3ª, 4ª e 5ª parcela. Porém as datas de pagamento ainda não foram divulgadas.

Lote 4

  • lote 4 é relacionado aos aprovados no fim de junho
  • Qual a situação atual para estes aprovados: Este grupo recebeu a 1ª parcela em conta poupança entre 27 de junho e 4 de julho, de acordo com o mês de aniversário. Saques serão liberados entre 18 de julho e 19 de setembro, também conforme o mês de nascimento
  • Quantas parcelas faltam: Faltam para receber a 2ª, 3ª, 4ª e 5ª parcela. Porém as datas de pagamento ainda não foram divulgadas.