Auxílio Emergencial deve ser um Programa Sustentável, diz Ministro da Economia

0

Paulo Guedes diz que a quantia que será paga pelo programa seja acima dos R $170. 

Nesta terça-feira (04), o ministro Paulo Guedes afirmou que o auxílio emergencial terá que se tornar um programa sustentável. Sendo assim, ele seria encaixado na categoria de um bolsa família, por exemplo. Durante a audiência de um conjunto de comissões da Câmara dos Deputados, Guedes defendeu que o valor deva estar acima de R $170, todavia, afirma que não sabe se chegará aos R $600.

Além disso, o Ministro da Economia diz que o Brasil pode optar por adotar um programa que, segundo ele, pode erradicar a pobreza dentro de 4 a 5 anos. Este seria financiado com recursos de empresas estatais. 

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

“Isso terá que ser um esforço conjunto, isso é um Congresso inteiro, uma PEC, é algo que nós temos que pensar juntos”, afirma Paulo Guedes

O ministro, ainda, lançou com elogios à administração do Partido dos Trabalhadores, referentes à implementação do Bolsa família, tendo em vista, o grande impacto social causado pelo programa. Guedes ainda acrescentou, que durante o governo do (PT) só não foi possível alcançar os R $600, devido à falta de recursos disponíveis na época.

Cabe salientar, que atualmente o Auxílio Emergencial é um benefício dado pelo governo federal frente à as consequências da pandemia e não se encaixa na categoria de programas como o Bolsa Família. 

Conteúdo por Lucas Machado