Auxílio Emergencial: Nascidos em junho já podem sacar o recurso; saiba como

0

A Caixa Econômica Federal continua fazendo os pagamentos do auxílio emergencial, conforme o calendário de pagamentos e saques definidos pela gestora do recurso.

Agora, é a vez dos nascidos no mês de junho: a partir desta terça-feira, 24, esses cidadãos já podem efetuar a movimentação dos valores na conta poupança social digital. 

O dinheiro liberado faz parte dos ciclos de pagamentos 3 e 4.

Nesta etapa, são beneficiados em torno de 3,6 milhões de beneficiários, sendo que R$ 1,3 bilhão são referentes às parcelas daqueles que ainda estão recebendo o Auxílio Emergencial e o valor de R$ 1,7 bilhão é voltado às parcelas do Auxílio Emergencial Extensão

Seguindo o calendário, na próxima quinta-feira, 26, será a vez dos nascidos no mês de julho.

Se você possui valores à receber, confira como ficam as datas de pagamento dos ciclos liberados em novembro:

Liberação de saque e transferência (o calendário para saques do ciclo 3 e 4 é o mesmo): 

Datanúmero de beneficiadosmês de nascimento
24 de novembro (terça-feira)3,6 milhõesjunho
26 de novembro (quinta-feira)3,6 milhõesjulho
28 de novembro (quinta-feira)7,3 milhõesagosto/setembro
01 de dezembro (terça-feira)3,6 milhõesoutubro
05 de dezembro (sábado)7,0 milhõesnovembro/dezembro

Bolsa Família 

Hoje, os beneficiários do Bolsa Família que possuem NIS com final 6 também podem fazer o saque do valor referente à quarta parcela de R$300.

Para saber se você pode fazer o saque, é preciso verificar o número que consta no cartão do programa, ou ainda através do atendimento da Caixa no telefone 0800 726 0207. 

Quanto vou receber?

Vale lembrar que o valor total a ser recebido depende da quantidade de parcelas que o cidadão terá acesso, então a soma deve ser feita desde quando começou a receber o auxílio emergencial.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil
Aplicativo auxílio emergencial do Governo Federal. / Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Assim, o máximo é de nove parcelas, o que corresponde à cinco no valor de R$ 600 e quatro no valor de R$ 300.

Então, para que você entenda melhor, veja quais parcelas você já recebeu: 

  • 1ª parcela (abril): 9 parcelas
  • 1ª parcela (maio): 8 parcelas
  • 1ª parcela (junho): 7 parcelas
  • 1ª parcela (julho): 6 parcelas
  • Última parcela de R$ 600 (agosto): recebe 4 parcelas de R$ 300
  • Última parcela de R$ 600 (setembro): recebe 3 parcelas de R$ 300
  • Última parcela de R$ 600 (outubro): recebe 2 parcelas de R$ 300
  • Última parcela de R$600 (novembro): recebe apenas 1 parcela de R$ 300

Como receber?

Se você está na espera do pagamento da parcela do auxílio emergencial, fique ligado, pois, o acesso ao recurso não precisa ser apenas presencial: a movimentação do dinheiro pode ser feito através do aplicativo Caixa Tem.

No aplicativo é possível fazer compras por meio do cartão de débito virtual e QR Code, além de pagamento por boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços. Além disso, o Caixa Tem pode ser utilizado nas lotéricas através da funcionalidade “pagamentos sem cartão”. 

Mas se optar pelo saque, basta acessar o aplicativo e escolher a opção “saque sem cartão”, assim, será gerado um código de saque.

Feito isso, é necessário inserir a senha para visualizar o código de saque na tela do celular, que possui validade de apenas uma hora.

Esse código deve ser utilizado nos caixas eletrônicos da Caixa, além das unidades lotéricas ou dos correspondentes Caixa Aqui.

Por Samara Arruda