Auxílio emergencial: oitava parcela será depositada no dia 22 de novembro

0

A Caixa Econômica Federal vai iniciar o Ciclo 5 do auxílio emergencial em novembro. Para quem deseja se planejar, fique atento, a 8ª parcela do benefício, no valor de R$ 300, será depositada na Poupança Social Digital, dia 22 de novembro, um domingo.

Nesse dia, será a vez dos aprovados, que não recebem o Bolsa Família, que nasceram em janeiro que vão receber o oitavo pagamento do auxílio emergencial de R$ 300.

Os pagamentos do calendário do Ciclo 5 seguem até o dia 12 de dezembro, quando será vez de quem nasceu em dezembro.

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Os nascidos em fevereiro terão a oitava parcela sendo paga no dia 23 de novembro, os nascidos em março no dia 25 de novembro e para os nascidos em abril no dia 27 de novembro. Portanto, os pagamentos serão feitos, num domingo, segunda-feira, quarta-feira e sexta-feira, até o dia 12 de dezembro.

Ciclo 5 (22 de novembro a 12 de dezembro)

  • Recebe a 8ª parcela (R$ 300) o beneficiário que recebeu a 1ª parcela em abril;
  • Recebe a 7ª parcela (R$ 300) o beneficiário que recebeu a 1ª parcela em maio;
  • Recebe a 6ª parcela (R$ 300) o beneficiário que recebeu a 1ª parcela em junho;
  • Recebe a 5ª parcela quem fez cadastro entre 17 de junho e 02 de julho;
  • Recebe a 5ª parcela o beneficiário que realizou contestação entre 24 de abril e 19 de julho e teve o pedido aprovado;
  • Recebe a 4ª parcela o beneficiário que se cadastrou nos Correios entre 08 de junho e 02 de julho;
  • Recebe a 4ª parcela o beneficiário que contestou o pedido entre 03 de julho e 06 de agosto e foi considerado aprovado;
  • Recebe a 3ª parcela o beneficiário que realizou contestação entre 20 de julho e 25 de agosto de 2020.

Sétima parcela

Se você ainda não recebeu a sétima parcela, fique ligado. A Caixa começará a depositar na Poupança Social Digital no dia 30 de outubro, para os nascidos em janeiro, os nascidos em fevereiro terão o dinheiro creditado no dia 4 de novembro, os nascidos em março no dia 5 de novembro, já o saque em espécie será no dia 7 de novembro para os nascidos em janeiro e fevereiro e os nascidos em março poderão sacar no dia 14 de novembro.

Cuidado com os prazos

O auxílio depositado na poupança social digital deverá ser sacado ou transferido para uma outra conta, num prazo de 90 dias, a contar do dia do depósito.

O dinheiro não sacado voltará para os cofres da União. A Caixa informa que a devolução de uma parcela para a União não interfere no pagamento das parcelas seguintes.

Se você perder o prazo de uma parcela, vai continuar a receber as demais parcelas normalmente.

Já os beneficiários do Bolsa Família, terão 270 dias (nove meses) para sacar o benefício.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil