Site icon Rede Jornal Contábil – Contabilidade, MEI , crédito, INSS, Receita Federal

Auxílio Emergencial, veja se você vai receber R$ 175, R$ 250 ou R$ 375

O Auxílio Emergencial está cada vez mais próximo de ser liberado aos cidadãos. A PEC Emergencial que viabilizava o pagamento do benefício já foi aprovado pelo Senado Federal e vai para a votação na Câmara dos Deputados está semana.

Com a aprovação da PEC Emergencial que viabiliza a volta dos pagamentos do Auxílio Emergencial pelo Senado Federal, o benefício está mais próximo de ser liberado. A votação agora segue para a Câmara dos Deputados e pode ser aprovada e promulgada esta semana.

Com a premissa de que o Auxílio será liberado, o ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou em entrevista nesta segunda-feira (8) os novos valores que serão pagos pelo benefício este ano.

A novidade agora é que o beneficio terá três valores diferentes, sendo eles de R$ 175, R$ 250 e R$ 375. Os valores agora vão depender da composição familiar para que o saldo seja liberado. Confira à seguir quem terá direito a qual valor.

Aplicativo Auxílio Emergencial

Novos valores

Com a confirmação de que o valor pago vai depender da composição familiar, ou seja, famílias com uma única pessoa será um valor, famílias com a mulher sendo chefe do lar outra e por fim para famílias com dois ou mais membros outro. Veja como vai ficar:

Auxílio Emergencial de R$ 175

O menor valor pago pelo auxílio emergencial este ano será destinado para as famílias de apenas um único membro. Para este grupo de beneficiários o governo definiu o pagamento de um valor de R$ 175.

Auxílio Emergencial de R$ 250

O valor de R$ 250 será pago para a grande maioria dos beneficiários, isso porque o valor será destinado as famílias que possuem dois ou mais membros. A regra no entanto não vale para as mães chefes de família, que vão ter direito a outro valor.

Auxílio Emergencial de R$ 375

O maior valor pago pelo auxílio este ano será destinado exclusivamente para às mães chefes de família. O valor é 50% maior que o valor médio pago de R$ 250. Vale lembrar que no ano passado às mães chefes de família recebiam duas cotas por parcela, onde nas parcelas de R$ 600 elas receberam R$ 1.200 e nas parcelas residuais de R$ 300 receberam R$ 600.

Quantidade de parcelas

Vale lembrar que independente do valor ao qual o beneficiário terá direito, todos os cidadãos que se enquadrarem nas novas regras terão acesso as quatro parcelas que terão vigência entre os meses de março, abril, maio e junho.

Se não houver mudanças, o auxílio emergencial tem tudo para ser liberado à partir do dia 18 para os inscritos do Bolsa Família e em seguida liberado para a grande maioria dos beneficiários.

Ao que tudo indica, o governo deverá seguir o mesmo padrão de pagamento do ano passado, ou seja, em primeiro momento deve liberar o saldo em conta poupança social digital acessada pelo aplicativo Caixa Tem para então, em outro momento liberar o saque em dinheiro e transferência bancária.

Sair da versão mobile