Auxílio por incapacidade temporária X Laser: É preciso ter cuidado!

Importante lembrar que o INSS está de olho em tudo!

O Auxílio por incapacidade temporário, antigo Auxílio doença, é destinado à pessoa vinculada à previdência social brasileira, que esteja temporariamente sem condições de trabalhar por motivo de doença, essa incapacidade pode ser permanente ou temporária, parcial ou total.

Porém existe uma duvida que ronda muitos beneficiários, se posso ou não ter momentos de laser? Como ir a praia ou viajar por exemplo.

E é essa duvida que iremos esclarecer em nosso artigo. Confira!

Posso ter momentos de laser recebendo o Auxílio por incapacidade temporário?

Sim! Você não precisa parar de viver por causa do Auxílio por incapacidade temporário. Isso porque sua vida civil como laser e rotina não podem ser confundidos com sua vida laboral.

E também de acordo com a Constituição Federal de 1988, o lazer é um direito social de todos, veja:

Art. 6º São direitos sociais a educação, a saúde, a alimentação, o trabalho, a moradia, o transporte, o lazer, a segurança, a previdência social, a proteção à maternidade e à infância, a assistência aos desamparados, na forma desta Constituição. (Redação dada pela Emenda Constitucional nº 90, de 2015)

Porém é preciso se atentar para algumas questões e situações, pois o INSS está sempre de olho. Existem servidores do INSS e procuradores federais que investigam redes sociais dos segurados durante o processo, eles tem o objetivo de identificar provas que podem fazer com que você perca à concessão do benefício.

Então é preciso se atentar ao postagens em redes sociais, como no exemplo a seguir:

“Pedro entrou com um processo de requerimento do Auxílio por incapacidade temporário, pois sofreu um acidente no qual lesionou o joelho. Porém Pedro resolveu participar de uma trilha de bike com os amigos, e registrou o momento e acabou postando em suas redes sociais.”

Mesmo sem provas concretas de que Pedro estava realmente pedalando e não só em um momento de confraternização, o INSS pode querer apurar eventual irregularidade na concessão do benefício.

Então a dica é: Melhor prevenir do que remediar. Tenha cuidado com a exposição na internet para não sofrer injustiças.

Comentários estão fechados.