Benefícios emergenciais já confirmados para 2021

0

Alguns benefícios já estão conformados para 2021, entre eles estão a antecipação do 13° salário para aposentados e pensionistas do INSS e também o abono salarial PIS/PASEP que também será antecipado.

A intenção em antecipar os benefícios está no fato que a Covid-19 continua tendo força no inicio de 2021, com aumento de contágios e óbitos.

Benefícios já confirmados

13° Salário do INSS

Foto: Marcello Casal JrAgência Brasil

Conforme o governo divulgou, o 13° salário do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), será antecipado, tendo a primeira parcela sendo paga em fevereiro e a segunda parcela em março.

Essa antecipação do 13° salário para aposentados e pensionistas reacende novamente a necessidade de ter o 14° salário no final do ano.

Em relação, a antecipação ao 13° do INSS, o ministro da Economia, Paulo Guedes, disse que a inciativa é viável, isso porque não terá custo fiscal, ou seja, os recursos já estavam previstos no orçamento e serão apenas desembolsados com antecedência.

Abono PIS/Pasep

Também está previsto para acontecer a antecipação do abono salarial, que deverá ser liberada entre os meses de fevereiro e março.

Segundo a equipe econômica, a antecipação do abono salarial tem por finalidade, garantir uma maior movimentação financeira no país ao longo do primeiro semestre deste ano.

Benefícios que podem ser aprovados

Existe um desejo que o auxílio emergencial seja prorrogado. Embora, o governo federal descarta a ideia de continuar com o benefício. Isso porque, segundo o governo, os programas sociais provocaram um gasto total de R$ 700 bilhões.

O que poderá acontecer é uma reformulação no programa Bolsa Família para que seja possível cadastrar cerca de 300 mil famílias. Também se cogita aumentar o valor, tendo um reajuste, passando o valor de R$ 190 para algo em torno de R$ 300.

Enquanto isso, deputados federais e senadores pressionam o governo para que uma nova prorrogação do auxílio emergencial possa vir a ser liberada.

Uma ala parlamentar está buscando a convocação para uma sessão extraordinária do Congresso Nacional, para que possa ser debatido a possibilidade de prorrogação do auxílio emergencial em 2021.

Saque emergencial do FGTS

Também deverá ser liberada uma nova rodada do FGTS emergencial, que segundo a equipe econômica, há estudos para que seja possível liberar o saque também neste ano. Não não acontecer nenhuma mudança, também em 2021, será possível resgatar um valor de até R$ 1.100,00, tanto de contas ativas (emprego atual) como inativas emprego anteriores).

A principio, a nova rodada de saques deverá ser voltada principalmente para classe média, já que os mais pobres realizaram os saques em 2020 e ainda não acumularam saldo suficiente para resgatar o benefício este ano, conforme informou a Folha de São Paulo.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil