Bolsa Família: Caixa divulga calendário para abrir conta digital

0

O Bolsa Família poderá a partir de agora realizar pagamentos através da Poupança Digital da Caixa. Cerca de nove milhões de pessoas que estavam desbancarizados vão passar a ter uma conta bancária. O beneficiários poderão fazer a movimentação através do Caixa Tem.

A Caixa diz que esta mudança vem para oferecer mais segurança e autonomia para os cidadãos que agora não são mais obrigados a sacar as parcelas integralmente.

As pessoas terão sua contas abertas na poupança de forma automática de modo escalonado. e o melhor de tudo, não precisará ir ao banco ou apresentar documentos.
Em 22 de outubro, o presidente Jair Bolsonaro sancionou a Lei 14.075/2020, que autorizou a União, estados e municípios a realizarem pagamentos de diversos benefícios sociais e previdenciários através das contas poupanças sociais digitais.

A conta social digital atualmente está sendo usada para pagar o auxílio emergencial de R$ 600, do auxílio emergencial extensão de R$ 300, do saque FGTS emergencial de até R$ 1.045 e do Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda (BEm) que é voltado para os trabalhadores que sofreram suspensão temporária de contrato de trabalho ou redução de jornada e salário.

Como vai funcionar o pagamento no Bolsa Família

bolsa família

Fique atento você que é beneficiário do Bolsa Família, os pagamentos do mês de dezembro seguirá a data regular:

Os beneficiários com o NIS (Número de Identificação Social) final 9 e 0 recebem primeiro já sua conta poupança social. Serão cerca de 1,5 milhão de pessoas (16,5%) do total de beneficiários do programa.

A partir da abertura da conta, os beneficiários receberão o pagamento do Bolsa Família direto na conta poupança digital.

Calendário de abertura de contas:

  • Dezembro (NIS de finais 9 e 0)
  • Janeiro (NIS de finais 6,7 e 8)
  • Fevereiro (NIS de finais 3,4 e 5)
  • Março (NIS de finais 1, 2 e indígenas, quilombolas, ribeirinhos, extrativistas, pescadores artesanais, comunidades tradicionais, agricultores familiares, assentados, acampados e pessoas em situação de rua).

Movimentando sua conta

É preciso ficar atento ao detalhe que não será preciso mudar sua senha. A sua senha atual continuará valendo (aquela que você usa no cartão do programa social).

Após o valor ser creditado na conta poupança, o Bolsa Família poderá movimentá-lo através do Caixa Tem para pagar contas, fazer compras online e também nas lojas físicas com o cartão de débito virtual e o QR Code.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil