Bolsa Família: Veja 3 situações que podem resultar no cancelamento do benefício

Nosso país tem mais de 13,9 milhões de famílias beneficiadas pelo programa

O Bolsa Família é um programa direcionado para famílias em situação de pobreza e extrema pobreza. O programa pertence a Secretaria Nacional de Renda de Cidadania (Senarc), ele faz a transferência direta de renda com o intuito de combater a pobreza em nosso país.

Para aderir ao programa e receber o benefício o cidadão deve cumprir alguns requisitos ou não poderá solicitar o benefício. Caso você já esteja cadastrado e seja um beneficiário do Bolsa Família, ainda sim, deve cumprir alguns requisitos, ou ter seu benefício cancelado.

Veja os requisitos para ter acesso ao Bolsa Família

Nosso país tem mais de 13,9 milhões de famílias beneficiadas pelo programa que cumprem os requisitos. São 6 exigências para aderir ao Bolsa Família, veja quais são elas a seguir.

Exigências referente a renda e cadastro:

  • Renda mensal de R$ 89 a R$178 por pessoa da família
  • É necessário estar inscrito no Cadastro Único (cadúnico)

Exigências referente a crianças e adolescentes:

  • É preciso que a família tenha integrantes que sejam crianças ou adolescentes e que estejam matriculados na escola
  • Crianças com idades inferiores a sete anos precisam tem o calendário de vacina sempre atualizado
  • membros da família com idades para frequentar a escola devem ter uma frequência mínima de 85% para crianças entre seis e quinze anos, e de 75% para jovens de dezesseis e dezessete anos 

Exigências referente a gestantes:

  • Se houver alguma gestante na família, ela realizar e comprovar procedimento de pré-natal

Agora que já sabemos o que precisamos para ter o benefício, vamos ver o que devemos fazer para não o perder.

Veja 3 circunstâncias que podem a perda do benefício

  1. O cadastro desatualizado pode levar a perda do benefício

Apesar de uma exigência simples, é muito comum o esquecimento de atualizar os dados cadastrais, porém esse simples esquecimento pode fazer com que o benefício seja cancelado.

A atualização tem prazo pré-definido, deve ser feito a cada 2 anos, caso deixe de efetuar a atualização, corre o risco de que seus dados sejam fiscalizados e seu benefício perdido

  1. Renda acima do permitido

Um dos requisitos para aderir ao Bolsa Família é que a renda seja de R$ 89 a R$178 por pessoa, caso você ganhe um valor além do permitido, correrá o risco de que o pagamento do programa seja suspenso ou até mesmo cancelado

  1. Não sacar o benefício por tempo acima do permitido

O pagamento do Bolsa Família tem prazo de noventa dias para que o saque seja realizado. O ato de não saque do benefício por noventa dias pela família fará com que o governo acredite que você não precisa mais do benefício, então ele será cancelado.

Caso meu benefício seja bloqueado o que posso fazer?

No caso do bloqueio do benefício, o titular do precisa ir até uma unidade do centro de referência de assistência social, o CRAS, uma vez lá, você poderá pedir a reanálise para reconquistar o pagamento.

É importante que leve alguns documentos específicos quando for ao CRAS, é preciso estar com sua identidade, título de eleitor, CPF, RG, declaração escolar de menores de idade. É preciso ainda levar o Holerite atualizado dos trabalhadores formais, e o extrato bancário dos aposentados segurados pelo INSS.

Comentários estão fechados.