Caixa abre neste sábado para pagar Auxílio Emergencial e FGTS

0

A Caixa Econômica Federal (CEF) abrirá neste sábado, 19 de setembro para pagar o auxílio emergencial e o saque emergencial do FGTS. O horário de atendimento será de 8 horas até às 12 horas. Ao todo serão 770 agências abertas para atender os beneficiários dos dois benefícios.

Os beneficiários nascidos em janeiro, 3,9 milhões de pessoas, poderão sacar o Auxílio Emergencial em dinheiro e os trabalhadores nascidos em maio, 5,1 milhões de pessoas, poderão retirar em espécie os valores referentes ao Saque Emergencial do FGTS. Ao todo, os benefícios somam R$ 5,8 bilhões.

Todas as pessoas que procurarem atendimento durante o funcionamento das agências serão atendidas. Não é preciso chegar antes do horário de abertura.

Os ciclos de crédito em conta e saques em espécie seguem até dezembro para o pagamento das cinco parcelas definidas pelo Governo Federal para o público do CadÚnico e para quem se cadastrou pelo App Caixa/Auxílio Emergencial ou pelo site auxilio.caixa.gov.br.

  • 19 de setembro: nascidos em janeiro
  • 22 de setembro: nascidos em fevereiro
  • 29 de setembro: nascidos em março
  • 01 de outubro: nascidos em abril
  • 03 de outubro: nascidos em maio
  • 06 de outubro: nascidos em junho
  • 08 de outubro: nascidos em julho
  • 13 de outubro: nascidos em agosto
  • 15 de outubro: nascidos em setembro
  • 20 de outubro: nascidos em outubro
  • 22 de outubro: nascidos em novembro
  • 27 de outubro: nascidos em dezembro

Saque Emergencial do FGTS

Neste sábado (19), os trabalhadores nascidos em maio que tiveram o crédito do saque emergencial do FGTS e que não movimentaram a conta poupança social digital ou que tenham sido remanescente já poderão sacar o valor em dinheiro. Também será possível transferir o dinheiro, via aplicativo Caixa Tem, para outra conta, da Caixa ou de outro banco em que você possui conta em seu nome.

Nesta segunda-feira, 21 de setembro, a Caixa irá creditar o saque emergencial do FGTS na conta Poupança Social Digital para os trabalhadores nascidos em dezembro.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil