Caixa libera nesse sábado 25 de julho o saque em dinheiro do Auxílio Emergencial de R$ 600,00

0

Antes programado para começar a liberação do saque em dinheiro no dia 18 de julho, que foi transferido para 25 de julho, depois que o governo dividiu o pagamento em ciclos. É uma tentativa de organizar melhor o cronograma de pagamento do benefício.

A Caixa Econômica Federal começou a primeira rodada de depósitos em abril, sendo que funcionava por data de aprovação do benefício. O que acontecia era que o trabalhador era aprovado pela Dataprev e enquadrado em grupos que recebiam o dinheiro de acordo com os lotes em determinadas datas.

O modelo incluía os brasileiros que receberam o pagamento da primeira parcela em 9 de abril e que vigorou até a semana passada.

Mas, quando o governo anunciou a prorrogação do auxílio de R$ 600 por mais dois meses, acabou dividindo o pagamento em cinco parcelas.

Têm direito aos valores os brasileiros aprovados, que se inscreveram no programa até 2 de julho.

Com a mudança, determinada pelo Ministério da Cidadania, os trabalhadores passam a receber as parcelas por data de aniversário em quatro ciclos.

No dia 22 de julho, a Caixa divulgou os dados que mostram que já foram pagos cerca de R$ 128 bilhões para 65,3 milhões de pessoas.

Dois calendários

Com a nova organização, o trabalhador precisa estar ciente de que são dois calendários de pagamentos diferentes:

Bolsa Família: Os beneficiários do programa social; nesse caso as datas do pagamento do auxílio coincidem com as do pagamento do Bolsa Família, de acordo com o número do NIS.

Os demais trabalhadores: esse grupo inclui os inscritos no Cadastro Único que não recebem o Bolsa Família, mulheres chefes de família e inscritos no Auxílio Emergencial através do aplicativo ou do site do programa.

Em todos os casos, os trabalhadores receberão cinco parcelas do Auxílio Emergencial de R$ 600,00.

Crédito e saque

Mesmo com a mudança de formato e datas, o auxílio continua sendo liberado em duas etapas, primeiro em depósito na poupança social digital, quando a movimentação só pode ser feita para pagamentos de boletos, contas e compras usando o cartão de débito virtual. Já a segunda etapa é a liberação do saque em espécie, ou seja, em dinheiro vivo, quando o trabalhador pode sacar ou transferir o valor.

Lembrando que os correntistas da Caixa que tem direito ao auxílio de R$ 600 recebe o valor automaticamente na conta de sua titularidade.

Calendários

Ficou definido pelo Ministro da Cidadania, Onyx Lorenzoni, que os trabalhadores receberão os valores em cinco parcelas de R$ 600, de acordo com o mês de aniversário e o pagamento será dividido em quatro ciclos.

Fique atento

auxilio-doença

Não importa qual é a parcela que o trabalhador receberá. A ideia é que todos os trabalhadores de janeiro, por exemplo, recebam suas respectivas partes, independentemente de qual for, no mesmo dia.

Esse descompasso entre a primeira cota e a última acontece porque a Dataprev aprovou os cadastros em etapas.

Independentemente disso, todos os aprovados receberão cinco parcelas, em períodos diferentes, até 15 de dezembro de 2020.

Confira como serão os pagamentos e as datas:

Ciclo 1

Mês de nascimento Data do crédito do benefício na Poupança Digital Data para que o usuário faça o saque ou transfira o valor 
Janeiro22 de julho25 de julho
Fevereiro24 de julho01 de agosto
Março29 de julho01 de agosto
Abril31 de julho08 de agosto
Maio05 de agosto13 de agosto
Junho07 de agosto22 de agosto
Julho12 de agosto27 de agosto
Agosto14 de agosto01 de setembro
Setembro17 de agosto05 de setembro
Outubro19 de agosto12 de setembro
Novembro21 de agosto12 de setembro
Dezembro26 de agosto17 de setembro

Ciclo 2

Mês de nascimento Data do crédito do benefício na Poupança Digital Data para que o usuário faça o saque ou transfira o valor 
Janeiro28 de agosto19 de setembro
Fevereiro02 de setembro22 de setembro
Março04 de setembro29 de setembro
Abril09 de setembro01 de outubro
Maio11 de setembro03 de outubro
Junho16 de setembro06 de outubro
Julho18 de setembro08 de outubro
Agosto23 de setembro13 de outubro
Setembro25 de setembro15 de outubro
Outubro28 de setembro20 de outubro
Novembro28 de setembro22 de outubro
Dezembro30 de setembro27 de outubro

Ciclo 3

Mês de nascimento Data do crédito do benefício na Poupança Digital Data para que o usuário faça o saque ou transfira o valor 
Janeiro09 de outubro29 de outubro
Fevereiro09 de outubro29 de outubro
Março16 de outubro03 de novembro
Abril16 de outubro03 de novembro
Maio23 de outubro10 de novembro
Junho23 de outubro10 de novembro
Julho30 de setembro12 de novembro
Agosto30 de setembro12 de novembro
Setembro06 de novembro17 de novembro
Outubro06 de novembro17 de novembro
Novembro13 de novembro19 de novembro
Dezembro13 de novembro19 de novembro

Ciclo 4

Mês de nascimento Data do crédito do benefício na Poupança Digital Data para que o usuário faça o saque ou transfira o valor 
Janeiro16 de novembro26 de novembro
Fevereiro16 de novembro26 de novembro
Março18 de novembro01 de dezembro
Abril18 de novembro01 de dezembro
Maio20 de novembro03 de dezembro
Junho20 de novembro03 de dezembro
Julho23 de novembro08 de dezembro
Agosto23 de novembro08 de dezembro
Setembro27 de novembro10 de dezembro
Outubro27 de novembro10 de dezembro
Novembro30 de novembro15 de dezembro
Dezembro30 de novembro15 de dezembro

Bolsa Família

No caso do calendário do Bolsa Família, o processo é mais simples porque as datas são as mesmas de recebimento do benefício do programa. Para esse grupo faltam apenas duas parcelas. 

Parcela 4

Número do NIS Data do recebimento do benefício 
120 de julho
221 de julho
322 de julho
423 de julho
524 de julho
627 de julho
728 de julho
829 de julho
930 de julho
031 de julho

Parcela 5

Número do NIS Data do recebimento do benefício 
118 de agosto
219 de agosto
320 de agosto
421 de agosto
524 de agosto
627 de agosto
728 de agosto
829 de agosto
930 de agosto
031 de agosto