Caixa libera saque total do FGTS para desempregados

Os trabalhadores desempregados há pelo menos três anos podem sacar todo o saldo do FGTS disponível

Além do saque extraordinário do FGTS (Fundo de Garantia do Tempo de Serviço), que libera o saque de até R$ 1 mil das contas ativas e inativas vinculadas ao fundo, o trabalhador sem emprego de carteira assinada há pelo menos três anos pode sacar todo o dinheiro que possui.

Vale lembrar que o saque por estar desempregado há três anos é uma situação totalmente diferente de quando o trabalhador saca o FGTS após ser demitido sem justa causa.

Vale lembrar que cada emprego que o trabalhador possui de carteira assinada gera uma conta diferente em seu nome vinculada ao Fundo de Garantia.

No caso, todos os empregos anteriores são chamados de contas inativas (porque não recebem mais depósitos), enquanto são chamadas de ativas a conta do emprego atual (ativa porque recebe novos depósitos).

Logo, quando o trabalhador é demitido sem justa causa do emprego ele não pode sacar todo o saldo do FGTS, mas sim o saldo que está vinculado ao emprego, ou seja, da conta que estava ativa. Assim, caso o trabalhador tenha depósitos de empregos anteriores, esse saldo ainda ficará preso ao FGTS.

Saque do FGTS para desempregados

No entanto, o trabalhador que está sem exercer atividade de carteira assinada por pelo menos três anos (seguidos) garante o direito de sacar o saldo total do FGTS, seja de conta do último emprego como das contas inativas.

O saque nessa situação é super simples, e será preciso seguir esses dois critérios:

  • Estar sem trabalho de carteira assinada há pelos menos três anos seguidos;
  • A solicitação deve ser feita a partir do mês de aniversário do trabalhador, após completar pelo menos três anos sem registro em carteira.

Assim, o pedido deve ser feito junto à Caixa Econômica Federal, onde será exigido que o trabalhador apresente sua documentação de identificação, o número do PIS/NIT/Pasep e a carteira de trabalho que comprove que está há pelo menos três anos sem registro.

Como saber meu saldo do FGTS?

A melhor maneira de consultar o saldo disponível nas contas do FGTS é pelo aplicativo de celular do próprio FGTS disponibilizado pela Caixa Econômica Federal. Veja como realizar a consulta:

  1. Baixe o aplicativo no seu celular Android ou iOS
  2. Abra o app, toque em “Entrar no aplicativo” e “Continuar”;
  3. Informe seu CPF e toque em “Próximo”;
  4. Digite sua senha e vá em “Entrar” (caso não tenha senha ou tenha perdido será possível recuperar pelo próprio app);
  5. Na tela inicial, aparecerão informações relativas às empresas que trabalhou;
  6. Pronto! O saldo e valores depositados serão exibidos no topo da tela, clique sobre ele para ver as movimentações.

Comentários estão fechados.