Pedro Guimarães, presidente da Caixa Econômica Federal, disse hoje (26) que o banco planeja usar o aplicativo Caixa Tem para realizar pagamento aos inscritos do Bolsa Família.

“O Bolsa Família, até hoje, foi pago na boca do caixa e no ATM [caixas eletrônicos]. Vamos oferecer a conta digital, mas com tranquilidade, porque é um público mais sensível a essa questão de tecnologias”, destacou, durante coletiva virtual para apresentação dos resultados fiscais do banco no segundo trimestre.

Segundo Guimarães, a Caixa irá fazer essa migração como mais uma possibilidade aos beneficiários do programa, que poderão continuar utilizando os meios de saque tradicionais.

O Caixa Tem é um aplicativo de serviço sociais e transações bancárias que foi lançado em abril deste ano para o pagamento do auxílio emergencial do governo federal, em razão da pandemia do novo coronavírus. E também está sendo utilizado para o saque emergencial do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS).

Através do Caixa Tem é possível fazer pagamentos e transferências, compras na internet utilizando o cartão de débito virtual, gerado gratuitamente no próprio aplicativo e, também, compras no comércio com um código gerado pelo lojista na própria maquininha do estabelecimento.

Edição por Jorge Roberto Wrigt Cunha – jornalista do Jornal Contábil