Os novos pagamentos do Auxílio Emergencial, referentes as parcelas de R$ 300 para inscritos no Bolsa Família começam a ser pagos já na próxima semana, no dia 17 de setembro.

O calendário de todas as quatro parcelas restantes já está liberado, os beneficiários agora recebem R$ 300 e o valor pode dobrar para R$ 600 no caso das mães chefes de família.

De acordo com o Ministério da Cidadania o cronograma do Auxílio Emergencial para o Bolsa Família, segue o calendário habitual do programa social, sem alteração nas datas de pagamento.

O calendário é definido por ordem do número final do NIS (Número de Identificação Social) e os pagamentos serão feitos até dezembro. Confira à seguir o calendário de todas as parcelas.

auxilio emergencial

Calendário do Auxílio para o Bolsa Família

Setembro

Número final do NISDia do recebimento
NIS final 117 de setembro
NIS final 218 de setembro
NIS final 321 de setembro
NIS final 422 de setembro
NIS final 523 de setembro
NIS final 624 de setembro
NIS final 725 de setembro
NIS final 828 de setembro
NIS final 929 de setembro
NIS final 030 de setembro

Outubro

Número final do NISDia do recebimento
NIS final 119 de outubro
NIS final 220 de outubro
NIS final 321 de outubro
NIS final 422 de outubro
NIS final 523 de outubro
NIS final 626 de outubro
NIS final 727 de outubro
NIS final 828 de outubro
NIS final 929 de outubro
NIS final 030 de outubro

Novembro

Número final do NISDia do recebimento
NIS final 117 de novembro
NIS final 218 de novembro
NIS final 319 de novembro
NIS final 420 de novembro
NIS final 523 de novembro
NIS final 624 de novembro
NIS final 725 de novembro
NIS final 826 de novembro
NIS final 927 de novembro
NIS final 030 de novembro

Dezembro

Número final do NISDia do recebimento
NIS final 110 de dezembro
NIS final 211 de dezembro
NIS final 314 de dezembro
NIS final 415 de dezembro
NIS final 516 de dezembro
NIS final 6 17 de dezembro
NIS final 718 de dezembro
NIS final 821 de dezembro
NIS final 922 de dezembro
NIS final 023 de dezembro

Já para os beneficiários inscritos via aplicativo e site, o governo ainda não divulgou as datas de pagamento.