Cartões por aproximação: esteja atento a possíveis golpes

Criminosos têm se utilizado da ferramenta por aproximação dos Cartões de Crédito para aplicar golpes. 

Os famosos cartões de crédito, dividem opiniões entre os brasileiros sobre o seu uso, ainda sim o serviço é um dos meios de pagamentos mais utilizados pela população, em geral, perdendo apenas para o dinheiro em espécie e o PIX

A grande adesão a este serviço financeiro deve-se a diversos fatores, em especial, devido às oportunidades diferenciadas, como o parcelamento, e a praticidade que o cartão traz frente ao dinheiro físico. Além disso, as instituições financeiras vem cada vez mais atualizando o formato do benefício, como é o caso do dispositivo por aproximação. 

Em geral, os pagamentos por aproximação, de fato, facilitou a vida de muita gente, dado que basta aproximar o cartão da maquininha, que pronto a compra já foi efetuada. 

Por sua vez, apesar da grande adesão da nova sistemática, muitos ainda preferem manter as coisas como eram antes, ou seja, inserindo o cartão na maquininha. Isto porque, o dispositivo de aproximação, em geral, não solicita a senha do titular, exceto em pagamentos de valores mais altos. 

Em todo caso, a resistência ao dispositivo está diretamente atrelado ao medo de perder dinheiro, mediante a um assalto ou até mesmo a um golpe. E na verdade, a existência de golpes se aproveitando do formato já é uma realidade, segundo queixas direcionadas ao Procon (Procuradoria de Proteção e Defesa do Consumidor). 

Como dito, valores pouco expressivos não exigem que o consumidor coloque a senha. Neste cenário, já há relatos de casos em que os criminosos apenas colocaram o aparelho próximo ao bolso ou carteira da vítima e conseguiram realizar o pagamento. 

A problemática é que muitos consumidores sequer sabem que o cartão conta com a aproximação. Em geral, os aplicativos dos bancos, disponibilizam a opção de desabilitar a ferramenta. Caso você não concorde com esta maneira de pagar suas compras, procure baixar o aplicativo e tomar a devida providência. 

Para aqueles que gostam e usufruem a aproximação do cartão, uma boa medida protetiva, é desabilitar a função antes de ir a lugares muito tumultuados ou a regiões com uma incidência maior de roubos. Cuidado nunca é demais, sobretudo, quando se trata de dinheiro. 

Por fim, cabe deixar mais algumas dicas quanto ao cartão de crédito, de modo geral. Neste sentido, nunca revele suas informações pessoais, não clique em links suspeitos, confira seu extrato frequentemente, desconfie de compras de cartões online. Além disso, vale destacar a recomendação sobre o uso do cartão virtual em compras na internet.

Comentários estão fechados.