Cinco motivos para apostar na poupança por assinatura

Guardar dinheiro para alcançar algum objetivo é desejo de grande parte dos brasileiros, mas essa tarefa nem sempre é fácil.

Ainda que seis em cada dez pessoas (59%) desejem poupar mais em 2021, um quarto da população (24%) admite que não conseguirá guardar um centavo neste ano, de acordo com dados do IBGE.

Mais do que estabelecer metas, é preciso encontrar formas que possibilitem poupar pequenas quantias por semana até atingir os resultados esperados.

Uma alternativa viável que começa a ganhar corpo no mercado brasileiro é a poupança por assinatura, uma modalidade que permite guardar valores dentro de um objetivo específico.

Quer saber mais por que ela é importante?

Confira cinco motivos:

1 – É mais fácil guardar o dinheiro

Uma das maiores dificuldades das pessoas em poupar é justamente conseguir guardar dinheiro no fim do mês.

Entre gastos desnecessários, como aquele cafezinho a mais no fim de semana, e imprevistos, sobra bem menos do que o planejado inicialmente – e a poupança sempre fica para depois.

A vantagem da poupança por assinatura é justamente debitar pequenas quantias semanais na própria fatura do cartão de crédito.

Ou seja, basta informar o valor semanal e o próprio sistema faz esse depósito para o usuário.

2 – Todo o processo é digital

A digitalização de todo o processo, aliás, é outro motivo bastante interessante para adotar a poupança por assinatura.

Tudo é feito pela plataforma on-line: desde o repasse das informações necessárias até a gestão da conta – além, é claro, do débito na fatura do cartão.

O usuário simplesmente pode ficar despreocupado que toda semana a quantia vai ser incluída na sua conta.

Bem diferente da poupança tradicional, em que é preciso utilizar o internet banking ou até fazer depósito no caixa eletrônico em muitos casos.

3 – Pode resgatar o valor a qualquer hora

Mesmo um bom planejamento não está imune a imprevistos e, em alguns casos, o usuário pode optar pelo resgate para cobrir alguma despesa inesperada.

No caso da poupança por assinatura, basta clicar em um botão na plataforma para receber todo o dinheiro de volta em sua conta corrente em até 24 horas.

É um procedimento que pode ser feito em qualquer momento.

Depois, basta recomeçar a poupança quando tudo se normalizar.

4 – Gestão da conta é acessível

Não é preciso ser um expert no mercado financeiro para conseguir administrar a conta de sua poupança por assinatura.

As melhores fintechs do segmento desenham suas soluções com foco exclusivamente na experiência do consumidor.

Ou seja, permitem que a gestão da conta seja algo simples e intuitivo.

Com poucos cliques, é possível visualizar saldo, fazer novos depósitos via PIX ou TED (para quem deseja incrementar mais a poupança), entrar em contato com a equipe de suporte e resgatar o dinheiro.

5 – Faça seu dinheiro render e acumule milhas no cartão

A poupança por assinatura não é apenas uma forma de guardar um valor da renda mensal do usuário.

Trata-se também de um investimento: o dinheiro rende 100% de CDI, uma espécie de renda fixa.

Aliás, rende bem mais do que a poupança tradicional, garantindo um retorno melhor à pessoa.

O fato de o valor mensal ser debitado diretamente na fatura do cartão também traz benefício para quem participa de programa de milhas: cada transação vai acumular pontos que podem ser trocados por passagens aéreas.

Por: André Vilar, cofundador da Monis, poupança por assinatura via cartão de crédito.

Sobre a Monis

A missão da Monis é ajudar os brasileiros a pouparem dinheiro para conquistar seus sonhos. O sistema da Monis é uma assinatura semanal, debitada diretamente do cartão de crédito, é só escolher o quanto quer guardar por semana e qual o seu grande sonho.

Comentários estão fechados.