O começo do ano pode apresentar boas oportunidades para quem está buscando um emprego melhor. A movimentação no mercado faz com que surjam novas vagas, principalmente em grandes companhias.

As grandes empresas são as que têm maior expectativa de contratar no primeiro trimestre, com previsão de aumento de 13% nas vagas, segundo pesquisa da consultoria Manpower, que ouviu 851 companhias. Esse número cai para 8% nas pequenas empresas, e para 5% nas médias e microempresas. 

Em geral, é no começo do ano que as companhias costumam colocar em andamento novos projetos, muitos deles adiados no fim do ano anterior por causa do orçamento apertado. 

Muitas fecham o ciclo contábil em dezembro, renovam o orçamento e abrem vagas no primeiro trimestre, afirma Danilo Castro, diretor-executivo da consultoria de recrutamento Hiring.

Essa também é a visão de Luis Testa, do site de buscas de emprego Catho. “Em dezembro, pode acontecer uma pequena retração nas contratações em grandes empresas por limitações de orçamento. Elas esperam a virada do ano para ir ao mercado”.

A regra vale só para as grandes, segundo ele. “Se a empresa tem dez funcionários, não pode esperar para contratar quando perde um deles.”

Disputa também aumenta no começo do ano

O número de profissionais buscando um novo emprego também é alto no início do ano.

“Passadas as festas, muitos refletem sobre o que querem e decidem procurar novas oportunidades. Historicamente, a primeira segunda-feira útil do ano tem o maior tráfego de pessoas em sites de emprego”, afirma Testa.

Ele também aponta uma mudança no perfil dos brasileiros que procuram trabalho. “Hoje, 55% das pessoas que buscam emprego na Catho estão empregadas”.

Para ele, isso mostra que os profissionais procuram com mais cautela, analisando bem o próximo passo. 

Sempre é hora de buscar um novo emprego

Mesmo que o mercado esteja aquecido nos primeiros meses do ano, os especialistas em recrutamento garantem: sempre é hora de procurar novas oportunidades de emprego, independentemente da época.

“Eu não acredito em momento adequado, as oportunidades aparecem por diversas razões”, afirma Castro. “Quando ela aparece, é hora de disparar o currículo.”

Se a empresa em que deseja trabalhar não abriu vagas, enviar o currículo mesmo assim pode dar certo. “A regra é acompanhar se existe a vaga, mas encaminhar currículo sem saber de oportunidade aberta pode funcionar a médio e longo prazo”, diz Testa.

Portal UOL

[useful_banner_manager banners=5 count=1]

 

Comente

Comentários