O que é planejamento e controle de estoque?

Um planejamento e controle de estoque é importante para qualquer tipo de restaurante, pois é por meio dele que se controlam os desperdícios, desvios e valores para serem analisados.

Dessa maneira, uma gestão de estoque eficiente possibilita que o gestor consiga monitorar tudo que entra e sai me mercadorias armazenadas no restaurante.

Além disso, também verifica o excesso de investimento, que pode prejudicar o capital de giro.

Portanto, o planejamento de estoque tem como objetivo proporcionar uma série de vantagens que incluem tanto o espaço físico quanto o que é armazenado lá.

Esse é um passo significativo para quem está começando no ramo alimentício e não sabe como organizar seu espaço de armazenamento.

Por que fazer planejamento e controle de estoque?

Com um planejamento eficiente o gestor de restaurante pode monitorar os gastos com cada produto e da demanda das prateleiras, além de gerir o que entra e sai do estoque.

Dessa forma, é possível fazer estimativas de vendas, de produção, de pedidos feitos aos fornecedores, assim como descobrir os itens que saem mais ou menos.

Além disso, com o planejamento e controle de estoque você também evita desperdícios e escassez de produtos.

Por isso, com a falta de uma gestão de estoque, o restaurante pode perder clientes e ficar com a imagem prejudicada pela desorganização e atendimento, pois serão consequências.

Produtos podem ser “esquecidos” no armazenamento, fazendo com que passem da data de validade, sejam danificados ou fiquem ultrapassados.

Porém, com um estoque bem organizado e eficaz, seu restaurante pode oferecer:

  • Agilidade no atendimento;
  • Otimiza o trabalho;
  • Reduz custos;
  • Integra os setores;
  • Otimiza tempo da equipe;
  • Entre outros.

Além desses benefícios, ter um planejamento e controle de estoque bem organizado e otimizado possibilita que o espaço seja melhor aproveitado. 

Dessa maneira, a ordem do estoque assegura uma melhor identificação, aumentando a produtividade e evitando prejuízos financeiros, ou seja, influencia na saúde financeira do restaurante.

Então, não pense que é perda de tempo fazer essa tarefa! Pois estamos falando sobre uma monitoração que irá integrar diversos setores do estabelecimento, como compras, atendimento e produção.

Como fazer planejamento e controle de estoque?

Para fazer o planejamento e controle estoque, é bom levar em conta uma série de medidas e seguir uma lista de procedimentos.

Para isso, é necessário estabelecer a necessidade de produtos para decidir quanto pedir aos fornecedores, por exemplo. 

Assim, com a projeção de produção e vendas, o gestor deve definir também as datas em que vai fazer os pedidos.

Determinar rotinas que vão auxiliar a monitorar seu sistema também é importante para seu planejamento e controle de estoque, pois isso vai ajudar a definir prioridades e controlar informações.

Para isso, você pode utilizar algum software específico para realizar o controle de estoque, assim como planilhas. Isso vai facilitar muito na hora de registrar todo o processo.

Também é essencial fazer a mensuração contínua do seu estoque, analisando o valor total do que você tem disponível, quanto ele vai ser suficiente para suprir a demanda e o que será preciso para repor.

empreendedorismo

Para realizar um planejamento e controle de estoque, o gestor precisa seguir alguns procedimentos como:

Quanto pedirVolume de ressuprimento
Quando pedirMomento de reabastecimento
Como controlar o sistemaRotinas;Prioridades;Gerenciamento das informações.
Decisões de ressuprimentoCusto e perfis de estoque;Lote econômico.
Medindo o estoqueValor total do estoque;Cobertura de estoques-estoque médio;Giro de estoque.
Sistema de informação de estoquesAtualizar registros;Gerar pedidos;Gerar registros de estoque.

O que considerar para fazer planejamento e controle de estoque?

Fora isso, também existem os parâmetros de controle mais importantes e que devem ser trabalhados diariamente no seu restaurante:

  • Classificação A, B, C;
  • Cobertura de estoque;
  • Custo de carregamento;
  • Custo do pedido;
  • Demanda média;
  • Estoque médio;
  • Estoque máximo;
  • Estoque mínimo;
  • Estoque virtual;
  • Giro de estoque;
  • Intervalo de ressuprimento;
  • Ponto de pedido.

Sendo assim, o planejamento e controle de estoque deve reduzir o capital total investido em estoque, pois ele é caro e aumenta constantemente, visto que o custo financeiro também aumenta.

Um restaurante não pode trabalhar sem estoque. Ainda mais sem um estoque bem organizado e eficaz, pois auxilia no planejamento financeiro do negócio.

Além disso, ajuda a reduzir custos, previne perdas e possibilita um espaço para melhores negociações com fornecedores.

Por isso, não menospreze a importância do planejamento e controle de estoque, pois ele pode fazer uma grande diferença para o resultado do seu restaurante.

Fonte: Saipos