As transformações no mercado de contabilidade já são uma realidade para muitos escritórios.

O aumento da concorrência no mercado contábil, a entrada em operação de escritórios virtuais, com uma estratégia bem agressiva em termos de preço, tem feito com que muitos escritórios repensem a sua estratégia de serviços. 

E uma das vertentes que tem ganhado força é a oferta do BPO Financeiro no mercado contábil.

Basicamente, o BPO Financeiro é a terceirização de alguns processos financeiros do cliente para o escritório de contabilidade.

E essa tendência tem ganhado bastante força porque o serviço de BPO permite a contadores e clientes terem uma visão melhor da gestão financeira. 

Por que o BPO Financeiro vai crescer, mesmo pós-crise?

A resposta começa pela oportunidade de tomar decisões melhores e elaborar soluções financeiras mais assertivas e, em alguns casos, até mesmo por ser uma forma de trabalhar com outras moedas. 

No entanto, ela diz respeito principalmente, à possibilidade que um escritório de contabilidade possui de entregar para seus clientes não apenas a gestão contábil, mas também a financeira. 

O BPO financeiro pode, de forma sucinta, aumentar as soluções contábeis existentes por meio de uma visão mais ampla dos negócios dos clientes e da própria contabilidade.

Para o cliente, significa mais eficiência e valor ao serviço contratado e, para o contador, significa colocá-lo como parte estratégica das organizações para as quais trabalha.

Como implementar um processo de BPO Financeiro no seu escritório?

Escritórios de contabilidade interessados em implementar um processo de BPO Financeiro devem investir na preparação de um time que possa dar apoio e suporte em vários processos tais como gestão de contas a pagar e a receber, conciliação bancária e gestão da documentação.

BPO Financeiro

Acima de tudo, os escritórios contábeis vão precisar também investir em tecnologia, e em ferramentas que deem apoio na gestão financeira do cliente. 

É importante começar pelo próprio escritório antes de oferecer o serviço ao mercado – isto é, ser o cliente financeiro de uma empresa para que se conheça a forma dela trabalhar.

Hoje, muitas plataformas no mercado oferecem essa possibilidade, integrando a gestão financeira e relatórios detalhados que envolvem também a entrega das obrigações contábeis

Na hora de ir ao mercado, também é importante analisar o público-alvo, entender as demandas e construir uma oferta que esteja em linha às necessidades do seu cliente potencial. 

não antes de analisar o público-alvo, entender as demandas, as tecnologias e ferramentas que estão em uso e as que são tendências e, então, oferecê-las, agregando valor ao cliente e aumentando as margens de lucro do escritório. 

E para o cliente?

Um dos principais argumentos para a utilização do BPO Financeiro é a redução dos custos.

Isso porque, quando os processos financeiros do dia a dia são realizados por um escritório contábil, o cliente ganha mais tempo para gerir, controlar e analisar relatórios e números que dizem respeito ao seu negócio, mantendo o foco na sua operação. 

Pesquisas indicam que o custo de um BPO Financeiro pode ser menor do que o que a empresa gastaria para manter um único profissional de Contabilidade.

Em outras palavras, é possível ter, por valores parecidos, toda a atuação financeira que, do contrário, seria feita por uma equipe inteira.

Mesmo que a crise gerada pelo coronavírus no primeiro semestre de 2020 tenha impactado ao menos 77% do universo de PMEs, segundo uma pesquisa recentemente divulgada, existe muito espaço para a venda de serviços focados na gestão financeira e no apoio ao empreendedor para que essas empresas saiam da crise.