Como emitir o DAS para pagar a cota do Simples Nacional?

0

O pagamento dos tributos apurados no Simples Nacional para os PA 03 a 05/2021, foi prorrogado pela Resolução CGSN/SE 158. A medida também permitiu que o pagamento seja feito em duas quotas e a primeira delas deve ser paga até dia 20. 

Assim, os contribuintes já podem acessar os aplicativos PGDAS-D, PGMEI e APP MEI, que foram ajustados para a geração de DAS (Documento de Arrecadação do Simples Nacional).

Para saber como emitir o documento com as datas atualizadas, continue conosco. 

Calendário 

O calendário de pagamento dos tributos apurados no Simples Nacional e o MEI (microempreendedor individual), deve ser feito conforme os vencimentos de cada uma das cotas, nas seguintes datas: 

Período de Apuração (PA)Vencimento OriginalVencimento  
Quota 1
Pagamento
Quota 2        
03/202120/04/202120/07/202120/08/2021
04/202120/05/202120/09/202120/10/2021
05/202121/06/202122/11/202120/12/2021

Quotas

Antes de emitir o DAS para pagamento, o contribuinte poderá escolher como fará o pagamento. As opções são as seguintes: 

DAS Quota Única: a primeira opção é o recolhimento em Quota Única que deve ser feito até o dia 20;

simples nacional
Simples Nacional

DAS 1ª e 2ª quotas: a opção pelo recolhimento em duas quotas sempre será apresentada ao contribuinte, desde que o valor total devido seja igual ou superior a R$ 20,00; 

DAS de Diferenças 1ª e 2ª Quotas: após o vencimento da 1ª quota e quando o valor total devido for inferior a R$ 20,00, os valores devidos da 1ª e da 2ª quota serão somados em um único DAS, denominado DAS de Diferenças.

Apesar do recolhimento ser feito em um único documento, o valor de cada quota será controlado separadamente, cada qual com seu vencimento, para fins de cálculo dos acréscimos legais e amortizações. 

Como emitir?

Para fazer a emissão do documento atualizado, o contribuinte deve acessar o Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional – Declaratório (PGDAS-D).

Esse sistema eletrônico faz o cálculo do Simples Nacional para os períodos de apuração (PA), relativamente aos fatos geradores ocorridos no mês anterior.

Devido à prorrogação, todos os DAS emitidos e recolhidos pelo contribuinte antes do ajuste do sistema, que ocorreu no dia 1º de julho, serão considerados para fins de controle e amortização como “DAS Quota Única”. 

Multas e juros

Para contribuinte que optar pelo pagamento em quota única e realizar o pagamento até o dia 20, não há incidência de juros.

Mas, aqueles que irão fazer o pagamento em duas quotas, devem estar atentos, pois, será feito da seguinte forma: 

  • na primeira quota não há incidência de juros (se for pago dentro do prazo);
  • na segunda quota incidem juros de 1%;

É importante destacar que, se o pagamento for feito em atraso, os juros e multas também podem ser incluídos no DAS da primeira quota.

Neste sentido, se ocorrer o vencimento da primeira quota e o pagamento for feito até o último dia do mês, a primeira quota, haverá o acréscimo de multa diária de 0,33%.

Caso o pagamento ocorra no mês seguinte ao seu vencimento, e até o vencimento da segunda quota, o DAS da primeira quota será calculado com multa diária de 0,33%, mais 1% de juros.

Para o pagamento que for feito após o vencimento da segunda quota, haverá o acréscimo de multa e juros. Desta forma, será multa de 0,33% ao dia que será aplicada a partir do dia útil seguinte ao vencimento de cada cota limitada a 20%.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.