Como sair das dívidas e poupar dinheiro?

0

Poupar dinheiro é um assunto que está presente na rotina do brasileiro. Seja em tempos de bonança ou de crise, quem consegue poupar dinheiro se prepara mais para o futuro. Todo mundo quer chegar no fim do mês com as contas no azul.

Muitas vezes, uma saída para isso é aumentar a renda.

Porém, na grande parte das vezes aumentar a renda não é algo que ocorre da noite pro dia.

Então, cortar gastos aqui e ali, é a maneira mais eficiente de economizar uma grana e ver a conta azul no final do mês.

De certa forma todos tem vontade genuína de como poupar dinheiro, mas não sabem por onde começar.

A seguir vamos lhe dar dicas e mostrar como poupar dinheiro e que isso não é coisa de outro mundo.

Por que devo poupar dinheiro?

Gastar dinheiro sempre é bom, ainda mais em algo que nos conforta e que nos deixa felizes.

Por outro lado, poupar dinheiro ao invés de gastar parece ser uma tarefa árdua e ingrata.

Isso acontece porque você acaba abrindo mão de um prazer imediato por benefícios que pode ter no futuro.

Então, já que é tão chato e ruim, porque eu devo poupar dinheiro?

A resposta é simples: poupar dinheiro lhe dá um grau de liberdade econômica. 

Ter uma reserva de emergência, por exemplo, faz com que você possa gastar o dinheiro poupado em uma urgência.

Poupar dinheiro também é importante se você estiver com dívidas atrasadas com juros que tiram suas noites de sono.

Leia também: 5 dicas para negociar dívidas online e com segurança

Isso porque se você poupa dinheiro, você pode quitar as dívidas em seu nome.

Sabendo disso, agora é focar em poupar grana e se livrar dessas pendências.

A seguir vamos te dar dicas para virar um poupador de mão cheia.

Como poupar dinheiro? Veja nossas 10 dicas

O segredo de como poupar dinheiro é ter organização.

Com isso, as dicas a seguir vão lhe ajudar a guardar uma grana, pagar dívidas e lhe ajudar a ter mais liberdade financeira.

1) Registre tudo o que você gasta

Essa dica é clássica e envolve organização.

Uma planilha de gastos ajuda bastante.

Como alternativa para as planilhas, existem aplicativos de smartphone que oferecem essa funcionalidade.

Quer escolher entre os 10 melhores aplicativos de finanças? Clique aqui e se organize financeiramente.

Tem gente que prefere o mais tradicional papel e caneta.

Qualquer dessas soluções funciona, desde que você consiga manter o controle.

Anote tudo o que você gasta no mês.

Saber exatamente todos os seus custos é o primeiro passo para saber o que pode ser cortado ou não.

2) Evite consumismo desnecessário

Tenha cuidado com as propagandas e não caia nos descontos que volta e meia aparecem para você.

Isso são técnicas de marketing que tendem a induzir uma necessidade falsa em você para que consuma mais e mais produtos.

Ao fazer um gasto, avalie se você realmente precisa daquilo!

3) Evite comer fora

Comer fora sempre é muito bom, mas não exagere.

Mesmo que o preço não pareça ser tão caro, no final do mês isso pesa no seu bolso.

Se organize para preparar jantar ou almoço em casa.

Lanches também podem ser preparados por você mesmo e evita que gaste tanto sem perceber.

4) Faça compras contra a maré

Datas festivas como Natal, dia das mães entre outras, costumam ter um aumento generalizado dos preços.

Compre fora dessas épocas, o produto sairá com um desconto bem maior.

5) Use a internet a seu favor para compras online

Uma ótima forma de economizar é pesquisar bem antes de comprar um determinado produto pela internet.

São muitas lojas de varejo com preços variados.

Existem sites dedicados a comparar preços.

Esses sites até oferecem alerta por e-mail quando o produto em questão chega em um determinado valor.

auxílio emergencial

Fique atento também nas oportunidades de cashback (dinheiro de volta).

Em alguns casos é possível fazer uma grande economia na compra.

Outra dica importante é ficar de olho no valor do frete! Por isso, calcule com calma o valor total do produto.

6) Use um plano pré-pago em seu celular

Essa é uma boa maneira de economizar.

Você usará seu celular somente quando precisar.

Evita que faça planos mensais, geralmente mais caros, e com fidelidade atrelada.

7) Economize energia

Um clássico na redução dos gastos, não desperdiçar energia elétrica é essencial para a redução dos custos mensais.

Tenha o hábito de sempre apagar as luzes ao sair dos cômodos.

Prefira lâmpadas de LED, consomem bem menos e tem uma vida útil mais longa.

Se não usa um aparelho frequentemente, tire-o da tomada. Mesmo em “stand-by” esses aparelhos ainda consomem energia.

8) Venda coisas que não usa mais

Tem algum objeto em casa que não é mais usado e que está em bom estado? Não deixe isso para lá, venda!

É possível fazer uma boa grana vendendo roupas, jogos, livros usados entre outros.

Leia também: 10 dicas de como ganhar dinheiro na quarentena

Existem vários sites dedicados a venda e troca de usados.

9) Faça compras no supermercado com uma lista

Fazer uma lista deixa você focado no que realmente precisa comprar.

Sem ela você tende a levar mais coisas porque acha que são essenciais.

10) Compre de marcas mais baratas

Ainda sobre supermercado, dê chance a um produto de uma marca mais barata.

Pode ser que ele lhe agrade, você passa a comprar dessa marca e economiza bastante com o passar do tempo.

Posso poupar dinheiro para pagar dívidas?

Você não só pode poupar dinheiro para esses casos, como também deve poupar.

Quando se tem dívidas atrasadas, lhe é cobrado não só o valor real da dívida, mas também uma parte em juros, por você ter tido a atitude de mal pagador.

Leia também: Como negociar dívidas? Aprenda agora mesmo em nosso passo a passo

Ou seja, quanto mais você demora para quitar suas dívidas abertas, mais dinheiro você terá que pagar, e isso vira uma bola de neve.

Para completar, seu nome ainda pode ficar negativado, isso mostra para o mercado que você é um mal pagador.

Ter o nome negativado pode dificultar o acesso a crédito, financiamentos e empréstimos.

Porém, pode ocorrer de seu nome estar negativado indevidamente, ou seja, você não foi um mal pagador ou até mesmo nem não têm dívidas.

Nesse caso você foi injustiçado e pode receber uma indenização por isso.

Quer saber se seu problema de nome negativado indevidamente tem direito a uma indenização? Clique aqui e verifique grátis agora mesmo.

Para evitar as dívidas em geral, você deve mudar seus hábitos financeiros, fazer essa grana a mais aparecer e se livrar desses pesadelos.

Uma vez com o dinheiro acumulado você não deve somente pagar a dívida, mas em primeiro caso deve tentar negociar um valor mais baixo para quitá-la.

Como negociar minhas dividas online?

Em muitos casos os juros da dívida existem, mas são abusivos.

Por isso, é importante tentar negociar um desconto antes de tentar pagar a dívida completa.

Leia também: O que são taxa de juris e quando elas são abusivas?

Existem vários serviços que ajudam consumidores a pagarem um preço justo por suas dívidas pendentes.

Dentre eles a Blu365 lhe diz se existem ofertas de acordo para dívidas em aberto.

Por: Ariel Barros

Fonte: Resolvvi

Imagem: resolvvi