O depósito referente aos lucros do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) já foi realizado pela Caixa Econômica Federal (CEF) no dia 31 de agosto.

Conforme apurado, cerca de R$ 167 milhões de beneficiários foram contemplados com uma média de R$ 45,00 por conta vinculada ao fundo. 

No total, um montante de R$ 7,5 bilhões foi distribuído entre os trabalhadores aptos a receberem o benefício.

Esta quantia corresponde a 66,2% do lucro obtido pelo Fundo de Garantia em 2019.

Os interessados em verificar se foi contemplado ou não pelo crédito, podem acessar o site da Caixa Econômica, aplicativo do FGTS ou Internet Banking. 

Quem pode receber o lucro?

Todo e qualquer trabalhador que possua contas ativas ou inativas vinculadas ao Fundo de Garantia, têm direito a receber o respectivo fundo.

Já no que compete à retirada do valor, os requisitos seguem o padrão.

Portanto, o trabalhador só pode movimentar ou sacar o dinheiro em caso de demissão sem justa causa, aposentadoria, ou compra da residência própria. 

Tabela dos valores

A estimativa de rendimento do FGTS é de 3% ao ano.

Entretanto, devido à distribuição dos lucros, o rendimento equivalente a 2019 elevou este percentual para 4,9%.

Deste modo, para cada R$ 100,00 presente na conta do fundo até o dia 31 de dezembro, o trabalhador recebeu R$ 1,90.

Em outras palavras, até o final do referido período, o cidadão deveria ter R$ 103,00.

Contudo, diante da distribuição dos lucros, o saldo passou a ser R$ 104,90. 

Portanto, ainda que o rendimento seja referente a 2019, o pagamento acontece após o período do ano-calendário.

Neste sentido, a contabilização do lucro do Fundo de Garantia do ano passado foi de R$ 11,3 bilhões.

FGTS

Confira a tabela completa: 

Saldo em 2019                    Rendimento com reajustes                        Lucro

R$ 1 mil                              R$ 48,40                                                     R$ 18,40

R$ 5 mil                              R$ 242,00                                                   R$ 92,00

R$ 10 mil                            R$ 484,00                                                   R$ 184,00

R$ 20 mil                            R$ 968,00                                                   R$ 368,00

R$ 50 mil                            R$ 2.420,00                                                R$ 920,00

R$ 100 mil                          R$ 4.840,00                                           R$ 1.840,00

É importante ressaltar que, como os depósitos do lucro consideram o valor presente nas contas até o dia 31 de dezembro, quem realizou o saque após esta data não perde o rendimento.

Contudo, se a retirada tiver sido antes do referido, o rendimento será calculado de acordo com o valor restante. 

Dica Extra: Você gostaria de trabalhar com Departamento Pessoal?

Já percebeu as oportunidades que essa área proporciona?

Conheça o programa completo que ensina todas as etapas do DP, desde entender os Conceitos, Regras, Normas e Leis que regem a área, até as rotinas e procedimentos como Admissão, Demissão, eSocial, FGTS, Férias, 13o Salário e tudo mais que você precisa dominar para atuar na área.

Se você pretende trabalhar com Departamento Pessoal, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um profissional qualificado.

Por: Laura Alvarenga