Contabilidade: Como analisar os lucros de uma empresa?

0

Descobrir como analisar os lucros de uma empresa é importante e faz muita diferença no final, certo!? Definitivamente que o lucro é tido como o valor recebido pela venda de serviço/produto, subtraindo os gastos inclusos.

A conta parece simples, mas há “pedras no caminho” e é preciso entender como efetuar a análise das aquisições.

Bem como, entender esses fatores é primordial e o primeiro: o ponto de vista financeiro é crucial para saúde do negócio. 

É chegada a hora e o momento de entender como analisar os lucros de uma empresa com racionalidade.

Dessa forma, veja a seguir todas as informações e descubra uma maneira correta de efetuar essa análise. 

3 dicas para analisar os lucros de uma empresa

É fundamental entender, antes de mais nada, que analisar o lucro de um negócio é uma tarefa que requer atenção.

Algumas dicas facilitam bastante o processo e três podem ser citadas, confira abaixo o que fazer para ter uma análise correta.

1- Descubra se os dados são verídicos

Em primeiro lugar, é fundamental saber se os dados apresentados são verídicos ou não e consultar-se com um contador.

Juntamente com esse fato, existem duas atitudes que são fundamentais para conferir se é real ou não:

  • Procure analisar os outros relatórios e conferir se as informações batem, ou seja, no Fluxo de Caixa, DRE e demais demonstrativos;
  • Logo após, compare os dados apresentados e veja se há uma coerência por trás dos números apresentados.

Quando você começa a analisar os lucros de uma empresa e considera essa dica, a chance de dar ser coeso é maior.

A diferença entre um dado inverídico e um verdadeiro, na maioria das vezes, é percebida com a analise é criteriosa. 

piramide

2- Não confunda lucro com rentabilidade para analisar os lucros de uma empresa

O lucro é igual a receita menos os custos inclusos, porém uma confusão comum é com a rentabilidade do seu negócio.

Portanto, você investiu R$ 5 mil para abrir uma loja e atualmente o empreendimento corresponde a R$ 7.500 mil.

Seguindo o exemplo do parágrafo anterior, a rentabilidade está em 50% e manteve-se, rendendo mais R$ 2500.

Por outro lado, a proposta do lucro é indicar quanto uma empresa consegue lucrar com as suas ações.

3- Saiba se é lucro bruno ou líquido

Para analisar os lucros de uma empresa, é fundamental entender se o lucro é bruto ou líquido.

No primeiro caso, é necessário subtrair a receita total e os custos variáveis, sendo essa a formula “lucro bruto= receitas totais – custos variáveis”.

Por exemplo: você compra uma camiseta regata por R$10 e a vende por R$ 20, tendo o lucro bruto de R$ 10.

Contudo, o lucro líquido engloba os custos variáveis, porém os fixos também, que são custos para manter o negócio.

Aluguel, internet, salários, luz, água e impostos são exemplificações disso.

A fórmula do lucro líquido é a seguinte: receita total – custo.

Imagine que uma casa de ração vendeu R$ 7 mil, porém gastou R$ 2 mil com os itens e mais R$ 2 mil com despesas fixas inclusas.

Enfim, o lucro foi de R$ 3 mil, afinal: 7.000 – (2.000 + 2.000) = 3.000.

Quer saber mais!? Acesse esse link e confira mais informações para analisar os lucros de uma empresa.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.