Contabilidade rural: o que é, como funciona e qual sua importância?

Com a modernização e crescimento do agronegócio, os produtores rurais têm que manter a contabilidade em dia. Entenda.

A contabilidade pode ter vários segmentos dentro do seu universo. Um deles é voltado para a contabilidade rural. Para se ter uma ideia do agronegócio no Brasil, em 2021, o setor alcançou uma participação de 27,4% no PIB brasileiro, a maior taxa desde 2004.

Os segmentos primários e de insumos agrícolas se destacaram no ano passado, com aumentos de 17,52% e 52,63%, respectivamente. O PIB também cresceu para a agroindústria e para os agroserviços.

Os números não mentem e o agronegócio é um dos segmentos mais rentáveis de todo Brasil. Além de comercializar bilhões de reais anualmente, ele se torna cada vez mais complexo em sua estrutura fiscal. Isso significa que há grandes oportunidades para profissionais que compreendem bem as particularidades da contabilidade rural.

Por isso, a contabilidade que tem foco no agronegócio também necessita de certos cuidados. Para entender melhor sobre os processos contábeis nesse mercado, continue a leitura e saiba mais sobre este segmento.

O que é contabilidade rural?

A contabilidade rural é um dos ramos desse segmento que se ocupa de atender especialmente os empreendedores do setor agrícola, agropecuário, agroindustrial e zootécnicos.

O trabalho contábil nesse mercado conta com algumas particularidades que o distingue dos demais, principalmente em razão das diferenças de suas atividades em relação ao que é desenvolvido no varejo, por exemplo.

Isso significa que é necessário alguns conhecimentos especializados, pois uma formação generalista não oferece os insumos fundamentais para atender a negócios dessa realidade.

O agronegócio é marcado por grande instabilidade e risco, principalmente relacionados a instabilidades climáticas e flutuações de preços das commodities agrícolas. Isso ocorre por conta da forte influência que fatores ligados ao clima têm sobre a produção rural, além da variação de preços de produtos e insumos causada pela flutuação do dólar.

Desse modo, a contabilidade rural cumpre um importante papel no gerenciamento e na adoção de práticas que contribuem para melhorar o resultado do empreendedor, contribuindo para o aumento dos lucros nesse modelo de negócio.

Como classificar esse tipo de atividade?

O primeiro passo para compreender bem as principais diferenças da contabilidade rural é entender como categorizar as empresas presentes nesse setor.Desta forma, separamos a atividade rural em três grupos principais. Veja:

Atividade agrícola

Está inclusa nessa categoria todos os casos de produção vegetal. Essa classificação pode ser ainda mais detalhada para compreender duas subcategorias, a cultura hortícola e forrageira que compreende o cultivo de diversos cereais, hortaliças e também tubérculos, além da arboricultura que se refere a empreendimentos que envolvem pomares e florestamento.

Atividade zootécnica

As empresas rurais que estão envolvidas com qualquer etapa da produção animal estão incluídas aqui. Tal atividade também compreende as seguintes subcategorias:

  • Pecuária — relacionada às diversas etapas da criação de gado;
  • Avicultura — referente à criação de aves;
  • Apicultura — relacionada à produção de mel e demais produtos relacionados à criação de abelhas;
  • Ranicultura — para as empresas com o principal foco na produção de rãs;
  • Cunicultura — incorporando empreendimentos focados na criação de coelho;
  • Piscicultura — atividade relacionada com a criação de peixes;
  • Criação de outros animais.

Atividade agroindustrial

Nessa categoria são incluídos os negócios que desenvolvem algum grau de beneficiamento, ou seja, o desenvolvimento de indústrias focadas na produção rural. Essa legenda ainda pode ser dividida em três subcategorias: produtos primários, agrícolas e zootécnicos.

A primeira subcategoria envolve o beneficiamento inicial da produção, por exemplo, de grãos, cereais e tubérculos para a comercialização nesse formato primário. Já a segunda subcategoria envolve o desenvolvimento de produtos agrícolas, como a transformação da soja em óleo, da uva em vinho, moagem do trigo para a farinha, entre outras etapas de beneficiamento.

Quanto à terceira subcategoria, ela envolve os bens provenientes de produtos zootécnicos como a transformação do mel de abelha, comercialização de laticínios e carnes, entre outros.

O que não é considerado atividade rural?

É importante saber quais são as que não contam como atividade rural. Assim, é possível evitar erros no momento de classificar esse tipo de atividade.

De acordo com o artigo 250 da Instrução Normativa RFB n° 1700, de 14 de março de 2017, há uma classificação das atividades que não entram nessa classificação agrícola. Por exemplo, a industrialização de produtos, a comercialização de artigos rurais de terceiros, o beneficiamento de pescado in  natura e outras atividades não fazem parte das que levam o nome de rural.

O que são registros contábeis na contabilidade rural?

Os registros contábeis fazem parte das principais tarefas da contabilidade, seja ela rural ou urbana. No entanto, é necessário entender que as informações são diferenciadas e a contagem também.

Além das informações de receita, despesas e custos da empresa, é interessante que outras informações também constem no documento. E, é claro, essas informações irão variar conforme a classificação da empresa.

Se estamos falando de uma empresa agropecuária ou zootécnica, por exemplo, deve-se registrar informações como estoque de animais, nascimento dos animais e custos dos animais.

Essas são variáveis que devem ser levadas em consideração e que não estão presentes em todas as empresas de atividade rural. Veja outros exemplos:

  • Custos indiretos com culturas temporárias e permanentes;
  • Estoque de produtos agrícolas;
  • Avaliação de bens, considerando os rendimentos das culturas;
  • Receita operacional, despesa operacional, despesas pré-operacionais;
  • Ativo permanente imobilizado e ativo circulante.

Qual a importância da contabilidade no setor rural?

Como foi visto, a contabilidade permite que o dono da empresa tenha acesso à realidade econômica do empreendimento, por meio da organização de informações relacionadas aos ativos e passivos.

Dessa forma, ela ajuda o agricultor a visualizar quais são os pontos positivos e negativos do negócio. Assim, é possível planejar e adotar estratégias com a finalidade de melhorar os resultados da empresa.

Já para a contabilidade rural, além de ajudar o produtor a deixar as contas em dia, funciona como uma ferramenta importante para acompanhar as atividades e o negócio como um todo. 

Com isso, colabora para a tomada de decisões, conquista de novos mercados, desenvolvimento de produtos mais qualificados, redução de custos e maior rentabilidade da empresa.

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Comentários estão fechados.