Está pensando em reduzir custos com convênio médico de sua empresa, e não sabe como fazer? Então confira 7 dicas relevantes para você manter um plano de saúde em época de grave crise econômica! Saiba como manter um benefício de alto valor agregado para os colaboradores, sem prejudicar as finanças da empresa!

Dica 1 – Manter o convênio médico repassando o custo total para os funcionários

De acordo com esta alternativa a empresa mantem o plano de saúde atual no seu nome (ou adquire outro mais barato), mas transfere o custo total do convênio para os funcionários. A princípio parece ser uma situação que não favorece em nada a vida dos colaboradores. Entretanto, o plano de saúde empresarial oferece muitas vantagens. Veja abaixo!

– Por ser um plano de saúde empresarial, o custo para o funcionário será cerca de 30% mais barato, caso ele venha adquirir um plano individual;
– A rede credenciada do plano empresarial é mais ampla e qualificada, comparada com a do plano individual;
– Ao contrário do plano de saúde individual, o funcionário poderá se desligar do plano empresarial a qualquer momento, sem pagamento de qualquer multa contratual;
– Com a continuidade do plano empresarial, não haverá necessidade do funcionário cumprir novos prazos de carência para atendimento médico.

Para não criar atritos com os colaboradores, esta mudança deve ser bem planejada e a comunicação deve ser bem transparente, focando os motivos pelos quais a empresa está tomando esta decisão.

Dica 2- Migrar para um plano de saúde com coparticipação

O plano de saúde com coparticipação vem ganhando cada vez mais adeptos nas áreas de RH das empresas, principalmente nas de grande porte. Isto ocorre porque este tipo de plano permite reduzir cerca de 20% os custos mensais com convênios médicos. E o melhor: sem perda de qualidade nos serviços de atendimento médico. Isso só é possível, porque os funcionários participam com uma pequena contribuição financeira, sempre que utilizam os serviços de saúde do plano contratado. Outra vantagem percebida é o uso racional dos planos pelos funcionários, sem abusos e desperdícios.

Dica 3 – Migrar para um plano de saúde regional

O plano regional destaca-se por oferecer um preço até 50% mais em conta em relação aos planos nacionais. Entretanto, ao optar por este tipo de plano, saiba que você terá uma rede de atendimento mais enxuta e com serviços mais básicos de saúde.

Dica 4 – Migrar para outra operadora de saúde

Se o índice de reajuste do seu plano for bem acima da inflação, você pode optar por migrar para outra operadora similar. Como o mercado de planos de saúde é muito competitivo, você terá grandes chances de conseguir um preço menor, com o mesmo nível de serviço. Ou ainda, migrar para um plano com um nível de serviços um pouco abaixo do atual. Em ambos os casos, você conseguirá reduzir custos com convênio médico.

Descrição: https://www.topbrasilseguros.com.br/wp-content/uploads/2017/09/planos-de-saude-familiar-banner.jpg

Dica 5 – Criar um programa de gestão de saúde

Para empresas de médio e grande porte recomendamos criar, com o suporte da operadora de saúde, um programa de gestão de saúde de seus funcionários, visando reduzir o índice de sinistralidade e, consequentemente, os custos com assistência médica. Este programa deverá conter, entre outras coisas, ações para prevenção de doenças e na melhoria de qualidade de vida dos colaboradores e seus familiares.

Dica 6 – Controlar os índices de sinistralidade 

Esta é outra ação que pode ser realizada pelas médias e grandes empresas, com o apoio da operadora responsável pela gestão do plano. O programa deverá ser orientado para reduzir custos com convênio médico da sua empresa e conter indicadores que demonstrem evolução da sinistralidade na empresa. E, sobretudo, recomendações para uso consciente e racional deste benefício.

Dica 7 – Conversar com corretoras especializadas em planos de saúde

Descrição: reduzir custos com convênio médico

Para reduzir custos com convênio médico da sua empresa, converse com corretoras de seguros especializadas em planos de saúde empresariais. A Top Brasil Seguros, por exemplo, possui consultores especializados que podem lhe ajudar a encontrar um plano com o melhor custo x benefício e que atenda as suas necessidades e expectativas.