Conselho Regional de Contabilidade do Estado de São Paulo (CRCSP) iniciou, nesta segunda-feira (23), uma operação contra fraudes em escritórios de contabilidade. Segundo o órgão, pelo menos 107 estabelecimentos estão irregulares na região de Campinas (SP), a primeira a passar pela fiscalização. No estado, 11 mil empresas atuam ilegalmente.

Até a próxima sexta-feira (27), serão fiscalizados escritórios em Campinas, Monte Mor (SP), Valinhos (SP), Sumaré (SP), Jaguariúna (SP), Paulínia (SP), Holambra (SP), Hortolândia (SP) e Indaiatuba (SP). Em Campinas, das 667 empresas registradas, 64 estão irregulares. Ou seja, uma em cada dez não trabalha dentro da lei.

[rev_slider alias=”ads”][/rev_slider]

Ainda de acordo com o CRCSP, as principais irregularidades são escritórios e profissionais que atuam sem registro do conselho, além de pessoas sem formação em Ciências Contábeis que exercem o cargo de contador. “Ele pode não calcular um imposto corretamente e pode prejudicar a pessoa para quem ele está prestando o serviço”, disse a delegada regional do órgão, Lilian Ghizzi.

As empresas e profissionais que forem autuados pelo órgão terão os casos analisados por um conselho de ética da própria entidade. Se a situação não for regularizada em 15 dias, a punição varia de multa a cassação do exercício. A população pode comunicar as infrações cometidas pelos profissionais através do e-mail [email protected]

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.