DEFIS: Entenda tudo sobre esta obrigação acessória

0

Você sabe qual a importância dessa obrigação acessória? Acompanhe a nossa matéria e fique por dentro deste assunto, vamos explicar a relação entre o Simples e a entrega dessa obrigação acessória. 

O que é DEFIS e para o que serve? 

A sigla DEFIS quer dizer Declaração de Informações Socioeconômicas e Fiscais, esta obrigação tem o objetivo de comunicar ao órgão fiscal (Receita Federal), dados econômicos e fiscais da empresa que está ou esteve enquadrada neste regime no período abrangido pela declaração.

Quais são as principais informações que devem ser apresentadas no DEFIS? 

a) Ganhos de capital;

b) Quantidade de empregados no início do período abrangido pela declaração;

c) Quantidade de empregados no final do período abrangido pela declaração;

d) Caso a ME (Microempresa) / EPP (Empresa de Pequeno Porte) mantenha escrituração contábil e tenha evidenciado lucro superior ao limite de que trata o § 1º do art. 131 da Resolução CGSN nº 94, de 29/11/2011, no período abrangido por esta declaração, informe o valor do lucro contábil apurado;

e) Identificação e rendimentos dos sócios:

  • CPF e nome;
  • Rendimentos isentos pagos ao sócio pela empresa (Dividendos);
  • Rendimentos tributáveis pagos ao sócio pela empresa (Pró-labore);
  • Percentual de participação do sócio no capital social da empresa no último dia do período abrangido pela declaração;
  • Imposto de renda retido na fonte sobre os rendimentos pagos ao sócio pela ME/EPP.

f) Saldo em caixa/banco no início do período abrangido pela declaração e saldo em caixa/banco no final do período abrangido pela declaração;

g) Total de despesas no período abrangido pela declaração (deve-se informar o total das despesas da PJ no período abrangido, considerando despesas operacionais e não-operacionais, custos, salários, etc);

h) Mudança de endereço do estabelecimento (Caso no período abrangido aconteceram uma ou mais mudanças do estabelecimento);

Qual o prazo de entrega 

O prazo para a entrega da DEFIS é até 31 de março do ano subsequente ao período abrangente que será declarado. 

simples nacional
Simples Nacional

Qual o valor da multa por atraso? 

De acordo com o art. 66,§ 1°, da Resolução CGSN n° 94, de 2011, esta obrigação acessória não prevê multa por atraso.

Mas as apurações mensais dos períodos a partir de março de cada ano no sistema PGDAS-D só serão geradas após a entrega da DEFIS referente ao ano anterior. 

É muito importante que as documentações  estejam em dia, pois as informações declaradas, serão obtidas através de seus demonstrativos contábeis. 

O que é PGDAS-D?

A sigla PGDAS-D significa Programa Gerador do Documento de Arrecadação do Simples Nacional – Declaratório, ele é um sistema eletrônico para apuração mensal de impostos para empresas que optam pelo regime do Simples Nacional. 

Este programa é para as microempresas ou empresas de pequeno porte que estão enquadradas no regime tributário.  

Ela é feita através do próprio site da receita, não é preciso a instalação de softwares, o mesmo deve ser transmitido até o dia 20 do mês subsequente ao devido. 

Entrega do DEFIS 

Esta entrega é feita pelo próprio site do Simples Nacional e para isso é necessário utilizar o certificado digital da empresa, código de acesso ou procuração eletrônica.

É importante lembrar que se a empresa estiver inativa é necessário entregar o DEFIS da  mesma forma. 

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por Laís Oliveira