Descubra agora quanto você vai receber de seguro-desemprego

0

A pandemia do novo coronavírus fez com que o número de demissões no país tivesse um grande aumento. Com isso o seguro-desemprego acaba se tornando a principal fonte de renda de vários brasileiros, se você quer entender mais sobre o seguro-desemprego, quanto vai receber e quantas parcelas, acompanhe!

Entenda o seguro-desemprego

Seguro Desemprego é um benefício assegurado pela Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) e garantido pela Constituição Federal de 1988, com o objetivo de proporcionar aos trabalhadores brasileiros dispensados involuntariamente e sem justa causa, uma assistência financeira temporária, por um período pré-estabelecido, que depende do seu tempo de trabalho.

Seguro Desemprego é um benefício pago em parcelas, que podem ser de forma contínua ou alternada, e que são pagas durante um período que varia entre três e cinco meses dependendo do tempo de registro do trabalho, mas somente para aqueles ex-trabalhadores que estejam em conformidade com as regras determinadas em lei.

Também é válido lembrar que após a solicitação e início do recebimento do Seguro Desemprego, caso o ex-trabalhador consiga uma efetivação no mercado de trabalho, o mesmo deixará de receber o benefício, já que voltará a ter uma renda para o próprio sustento e de sua família.

seguro desemprego

Qual é o valor do seguro?

O valor de cada parcela do seguro-desemprego varia de R$ 1.045, valor do salário mínimo desde fevereiro de 2020, a R$ 1.813,03.

Quantas parcelas de seguro-desemprego são pagas?

O trabalhador recebe entre três e cinco parcelas de seguro-desemprego. A quantidade de parcelas varia de acordo com quantas vezes o trabalhador já fez o pedido, e quanto tempo trabalhou antes da demissão.

Quanto vou receber de seguro-desemprego?

O calculo do valor do seguro-desemprego é bem simples, basta somar o salário dos três meses antes de ser dispensado e dividir o total por três. Veja o exemplo:

Para calcular o valor do seguro-desemprego, o trabalhador deve somar o salário dos três meses antes de ser dispensado e dividir o total por três. Se o resultado da média salarial para o cálculo do seguro-desemprego for:

Faixas de Salário Média Salarial Forma de Cálculo 
Quem recebe até R$   1.599,61 Multiplica-se salário médio por 0.8 = (80%). 
Quem recebe de, atéR$ 1.599,62 R$ 2.666,29 A média salarial que exceder R$ 1.599,61 será multiplicado por 0,5 (50%) e somado a R$ 1.279,69
Acima de R$ 2.666,29 O valor da parcela será de R$ 1.813,03, invariavelmente. 

Lembrando que esses valores são validos para o ano de 2020, levando em conta a base do salário mínimo atual.