Dia do empresário contábil é comemorado nesta terça-feira

Uma profissão tão importante não poderia ser deixada de lado, por isso, em 2011 foi aprovada a Lei nº 12.387 em reconhecimento da classe.

0

Hoje, 12 de janeiro, comemoramos o Dia do Empresário Contábil. A data foi criada a partir de um projeto do deputado federal Arnaldo Faria de Sá (PTB/SP).

Assim, a matéria originou a Lei nº 12.387, visando homenagear tais profissionais que possuem a responsabilidade de prover informações aos empresários, ao cidadão e aos governantes.

A data é lembrada pela classe desde 2011. 

De acordo com o Conselho Federal de Contabilidade (CFC), atualmente o país possui 519.105 profissionais de contabilidade.

Esse número representa os registros ativos e, desse total, 57% são homens e 42% são mulheres.

Os dados disponibilizados pelo órgão mostram ainda que São Paulo possui o maior número de profissionais registrados: são 150.876.

Por estar presente em todos os estados e cidades brasileiras, ressaltamos que o Empresário Contábil têm a sua parcela de contribuição na economia brasileira e fazem parte da engrenagem que impulsiona o crescimento do país. 

Registro da Profissão

Devemos destacar que a comemoração de hoje é voltada para todos os profissionais da contabilidade, sejam eles técnicos em contabilidade, aqueles que possuem graduação em nível médio, assim como os contadores com formação em curso de Ciências Contábeis. 

Vale ressaltar que os técnicos em contabilidade que se registraram até 1º de junho de 2015 são autorizados a exercerem a profissão, no entanto, em 2010 o registro do profissional foi atualizado pela Lei nº. 12.249.

A partir disso, apenas aqueles que são bacharéis em Ciências Contábeis podem ter acesso ao registro a fim de atuar na área da contabilidade. 

Transformações

Nos últimos anos, tais profissionais também tiveram que se reinventar para cumprir seu papel nas empresas.

Nesse período de transformação, deixaram de ser apenas aqueles velhos conhecidos responsáveis pelas operações burocráticas e passaram a fazer a gestão de negócios e pessoas.

Através disso, passaram a ter voz ativa dentro das empresas a fim de auxiliar na tomada de decisões para garantir seu desenvolvimento. 

O mesmo vale para a mudança na forma de cumprimento das obrigações diárias devido às novas ferramentas criadas pelo Governo Federal, para unificar sistemas que recebem as declarações e obrigações diárias, mensais e anuais.

Em 2020, o distanciamento social também causou transformações quanto ao atendimento de clientes, devido à intensificação da tecnologia e ferramentas que ampliaram o trabalho desses profissionais que estão cada vez mais próximos de seus clientes. 

Designed by @pressfoto / freepik
Designed by @pressfoto / freepik

Para líderes sindicais patronais da categoria e profissionais do setor, dentre as principais conquistas da classe nos últimos anos está a disponibilidade de canais de diálogo com o governo.

Através disso, têm sido possível debater questões com a esfera pública.

Sobre o presente que eles gostariam de ganhar nesta data comemorativa está a maior segurança jurídica, redução das burocracias e que os profissionais da contabilidade fossem consultados antes da criação de legislação e obrigações acessórias.

Para a classe, esse cenário seria benéfico para os empresários de contabilidade, que estão em busca de melhorias tanto para os profissionais, quanto para os contribuintes. 

CFC

O Conselho Federal de Contabilidade (CFC) é uma Autarquia Especial Corporativa dotada de personalidade jurídica de direito público.

Foi criado e regido por legislação específica, (Decreto-Lei nº 9.295, de 27 de maio de 1946) e a sua estrutura está regulamentada pela Resolução CFC nº 1.370, de 8 de dezembro de 2011. 

Desta forma, o CFC é integrado por um representante de cada estado e mais o Distrito Federal, no total de 27 conselheiros efetivos e igual número de suplentes e visa orientar, normatizar e fiscalizar o exercício da profissão contábil, por intermédio dos Conselhos Regionais de Contabilidade, além de regular acerca dos princípios contábeis, do cadastro de qualificação técnica e dos programas de educação continuada, bem como editar Normas Brasileiras de Contabilidade de natureza técnica e profissional. 

Dica Extra: Já imaginou aprender 10 anos de Prática Contábil em poucas semanas?

Conheça um dos programas mais completos do mercado que vai te ensinar tudo que um contador precisa saber no seu dia a dia contábil, como: Rotinas Fiscais, Abertura, Alteração e Encerramento de empresas, tudo sobre Imposto de Renda, MEIs, Simples Nacional, Lucro Presumido, enfim, TUDO que você precisa saber para se tornar um Profissional Contábil Qualificado.

Se você precisa de Prática Contábil, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um verdadeiro profissional contábil.

Por: Samara Arruda