Dia do Profissional de RH: entenda a importância desta data

0

Hoje, dia 3 de junho, comemoramos o Dia do Profissional de Recursos Humanos. Além de prestar homenagens, a data também pretende valorizar o profissional que é considerado um elemento estratégico para as organizações. 

Ao longo do tempo, essa profissão passou por mudanças que serviram para estabelecer o relacionamento entre o colaborador e empregador em torno dos objetivos da empresa.

Mas você sabe o que é o Recursos Humanos e qual a importância desse departamento para as empresas? Para conhecer um pouco desta profissão, siga com a leitura. 

Comemoração 

Em 1976 as federações internacionais adotaram o dia 3 de junho como um evento unificado para a comemoração do Dia do Profissional de Recursos Humanos.

Nessa data também foi fundada a Federação Mundial de Associações de Gestão de Pessoas, a WFPMA (World Federation of People Management Associations). 

Diante da relevância da profissão, no Brasil, o reconhecimento desses profissionais foi feito por Genézio Lucone – fundador da Associação Paulista de Administração Pessoal que, mais tarde, se tornou a Administração Brasileira de Recursos Humanos (ABRH). 

Designed by @freepik / freepik
Designed by @freepik / freepik

O que faz o profissional de RH?

O profissional de recursos humanos cuida de todo o processo organizacional de uma empresa. Dentre as obrigações de rotina estão o recrutamento e a seleção de novos trabalhadores, além do acompanhamento através de reuniões com os colaboradores e líderes.

Também são responsáveis por fazer treinamentos, avaliações e dar feedbacks, com o objetivo de motivar e melhorar a produtividade nas empresas.

Através da tecnologia que se tornou uma aliada, os profissionais de RH também têm a oportunidade de fazer melhorias no gerenciamento de dados dos colaboradores, o que garante agilidade e organização.

Além disso, várias ferramentas também têm sido utilizadas para a seleção de novos colaboradores, o que facilita a disponibilização de vagas e a escolha mais assertiva daqueles que farão parte do time da empresa. 

Assim, o mercado cresceu e abriu novas oportunidades aos profissionais de RH que agora podem atuar nas suas diversas áreas e funções. Para exemplificar, podemos citar as seguintes: 

  • Gestor de recrutamento e seleção;
  • Consultor de recursos humanos;
  • Analista de recursos humanos;
  • Gerente ou diretor de recursos humanos.
  • Supervisor e analista de cargos, salários e carreiras;
  • Assistente de departamento de pessoal;
  • Analista de treinamento e capacitação; dentre outras funções. 

Formação

Cada vez mais o mercado está em busca de pessoas qualificadas, e no setor de Recursos Humanos não é diferente.

Para atuar nesta profissão é necessário se qualificar através da graduação e, dependendo da instituição escolhida, o período de estudo é de até 3 anos. 

Desta forma, são estudadas as práticas do RH e prepara o aluno para trabalhar no departamento de RH de organizações públicas e privadas de qualquer segmento, além de empresas especializadas em recrutamento e seleção, ou como consultor.

Além disso, a graduação também auxilia o profissional a desenvolver habilidades essenciais ao RH. 

Assim, o profissional deve estar sempre atento às atualizações que podem ser feitas através de cursos de especialização, acompanhar a situação atual do mercado, seus concorrentes e as mudanças tecnológicas que, como falamos acima, costumam fazer a toda a diferença neste trabalho. 

Dica Extra do Jornal Contábil: Você gostaria de trabalhar com Departamento Pessoal?

Já percebeu as oportunidades que essa área proporciona?

Conheça o programa completo que ensina todas as etapas do DP, desde entender os Conceitos, Regras, Normas e Leis que regem a área, até as rotinas e procedimentos como Admissão, Demissão, eSocial, FGTS, Férias, 13o Salário e tudo mais que você precisa dominar para atuar na área.
Se você pretende trabalhar com Departamento Pessoal, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um profissional qualificado.

Por Samara Arruda