Seis anos em seis meses.

O efeito pandemia fez com que as empresas avançassem de uma forma jamais vista.

De uma hora para outra, foi preciso criar maneiras de diminuir o impacto da crise e continuar sobrevivendo.

Adoção do home office, digitalização de processos, uso inteligente de dados, atendimento e vendas online foram os principais exemplos de mudanças que já vinham acontecendo aos poucos – ou ainda estavam em fase de planejamento – e foram abruptamente inseridas no dia a dia das empresas.

O resultado de todo esse caos é que a Covid-19 foi o acelerador digital da década, como indica uma pesquisa da plataforma de comunicação em nuvem Twilio.

Mais precisamente, a pandemia acelerou a estratégia de comunicação digital das empresas em uma média de seis anos.

Se não agora, quando?

As pessoas tendem a esperar um cenário ideal para implementar qualquer tipo de mudança, seja na vida pessoal, na carreira ou na empresa.

Mas fato é que não existe um cenário ideal para mudanças.

A evolução das empresas acontece de acordo com a necessidade interna e do mercado.

Os primeiros passos rumo à transformação digital já foram dados.

Mesmo às pressas, foram decisões importantes que não devem ser descartadas.

Passado o desespero inicial, a ideia agora é apenas melhorar o que já está sendo feito e fazer novas implementações.

Sendo assim, ficar parado não é uma opção.

Quanto mais tempo perdido nesse processo, mais tempo levará a retomada.

O mercado evolui sem se preocupar se sua empresa está conseguindo acompanhar ou não.

Por isso, é hora de profissionalizar e organizar as mudanças que foram feitas sem o devido planejamento.

Estabeleça equipes de tomada de decisões de emergência

Algumas empresas já tinham planos de emergência, mas isso não é tão comum quanto deveria.

Então, implementar um time que vai conduzir as mudanças e preparar a empresa para o futuro deve ser o primeiro passo.

Adapte processos

Planejamento e organização devem ditar esse momento.

Por isso, tire um tempo para rever as necessidades da empresa.

Precisamos de um grande escritório?

O home office está funcionando bem?

A logística de entrega e o atendimento aos clientes precisaram ser melhorados com a pandemia?

De que suporte (psicológico, físico, tecnológico) a equipe precisou e continuará precisando?

Crie um plano de gestão de dados

As empresas devem estabelecer mecanismos de gestão de dados para garantir o monitoramento de computadores, servidores e sistemas para possibilitar que profissionais que trabalhem à distância com segurança.

Melhore sua comunicação

A distância pode gerar ruídos nas mensagens.

Então, manter um canal direto com a equipe se mostrou fundamental na pandemia e deve seguir quando esse momento passar.

Reafirme a relevância do cliente para a empresa

Agora é hora de buscar formas de cooperar com clientes e se tornar importante para eles, além de entender mudanças do mercado e estreitar os laços de relacionamento.

Uma das principais lições que a pandemia deixará é que empresas de sucesso sempre serão aquelas que incentivam a inovação.

Os formatos de consumo estão sempre em evolução e o mercado deve acompanhar essas mudanças – portanto, inovar é um processo sem fim.

Entender esse dinamismo do mercado é decisivo para o sucesso de uma empresa.

Por fim, além de reorganizar tudo que foi feito até agora, as empresas precisam começar a destinar orçamento, tempo e equipes voltadas para inovação.

Para isso, é importante que a operação seja cada vez mais automatizada, para que as pessoas tenham tempo para pensar em melhoria do negócio.

E que venha um 2021 mais moderno e eficiente!

Dica Extra: Você gostaria de trabalhar com Departamento Pessoal?

Já percebeu as oportunidades que essa área proporciona?

Conheça o programa completo que ensina todas as etapas do DP, desde entender os Conceitos, Regras, Normas e Leis que regem a área, até as rotinas e procedimentos como Admissão, Demissão, eSocial, FGTS, Férias, 13o Salário e tudo mais que você precisa dominar para atuar na área.

Se você pretende trabalhar com Departamento Pessoal, clique aqui e entenda como aprender tudo isso e se tornar um profissional qualificado.

Por: Anderson Mancini, apaixonado por tecnologia, fundou aos 18 anos a Neotix Transformação Digital e desde então, vem participando do desenvolvimento de mais de novecentos projetos digitais em parceria com clientes de diferentes segmentos.

A Neotix Transformação Digital une estratégia, UX (User Experience), tecnologia e empatia para conectar empresas e clientes.