Digitalização do acervo da JUCESP em colaboração com o Prodesp

A ação faz parte do processo de transformação da JUCESP em uma Junta Digital.

A parceria firmada entre a Prodesp, empresa de Tecnologia do Governo de São Paulo – e a Junta Comercial do Estado de São Paulo (JUCESP), vai digitalizar todo o acervo relacionado à história do empreendedorismo paulista. 

Esse processo deve reduzir o custo de até 7 milhões de reais para armazenamento em dois anos, estendendo o tempo economizado.

A ação faz parte do processo de transformação da JUCESP em uma Junta Digital. No total, aproximadamente 104 milhões de páginas serão digitalizadas. O período de implantação do processo está estimado em dois anos, mas, ao final de 2021, haverá cerca de 30 milhões de documentos disponíveis para uso virtual. 

Segundo o presidente da Prodesp, André Arruda, esse é mais um exemplo das soluções técnicas da empresa para melhorar os serviços do governo paulista.

“A Prodesp trabalha para desburocratizar os processos, tornando-os mais ágeis e eficientes para atender a demanda de um Estado cada vez mais digital, transparente e acessível para todos. A parceria irá gerar economia aos cofres públicos, facilitar o acesso e preservar documentos históricos, com a segurança que a Prodesp oferece a todos os seus clientes”.

O presidente da JUCESP, Walter Ihoshi, resaltou que: “A Prodesp trabalha para desburocratizar os processos, tornando-os mais ágeis e eficientes para atender a demanda de um Estado cada vez mais digital, transparente e acessível para todos. A parceria irá gerar economia aos cofres públicos, facilitar o acesso e preservar documentos históricos, com a segurança que a Prodesp oferece a todos os seus clientes”.

A digitalização dos acervos institucionais, além do fácil acesso, evita a consulta física e a manipulação dos documentos, mantendo a mesma originalidade e conteúdo de certificação dos impressos.

Comentários estão fechados.