Dívidas: Veja as principais dicas e ferramentas para organizar sua vida financeira

0

A pandemia trouxe à tona não apenas os problemas relacionados à saúde pública, mas também tem motivado uma crise econômica.

A situação representa um impacto negativo para muitos brasileiros, que antes já lutavam contra os altos índices de inadimplência, que até meados de 2019 atingiu cerca de 40,3% da população brasileira.

Apesar dos dados do segundo semestre de 2020 apresentarem uma certa melhora, o número de pessoas que precisam organizar sua vida financeira é cada vez maior.

Pensando nisso, preparamos algumas dicas e mecanismos de controle para te ajudar a colocar as contas em dia.

Mas saiba que o primeiro passo é determinar quando e como fazer, além de ter perseverança para adotar um estilo de vida diferente e o resto será consequência. 

  1. Identifique suas dívidas

Muitas pessoas acabam gastando mais do que ganham por não saber o que precisam pagar, além de não organizar os valores que tem disponível mensalmente.

Por isso, nossa dica é: se você tem alguma dívida em atraso (cartão, empréstimo pessoal, financiamento, etc), busque informações sobre os valores e os juros atualizados.

Anote tudo.

  1. Conheça seus gastos

Pare de gastar dinheiro com produtos supérfluos, defina os seus gastos mensais como contas de água, luz, energia, internet. 

Separe aqueles que são consideradas prioridades da família e saiba o que está pagando.

Negocie as contas mais altas e que possuem juros e comece a pagar as dívidas que foram listadas acima. 

  1. Tenha objetivos

Sabemos que para chegar aos nossos objetivos é necessário saber para onde estar indo.

Portanto, elabore um orçamento especificando suas metas e objetivos que deverão ser alcançados ao longo do ano, por exemplo.

Também podem ser destacados aqueles projetos à longo prazo, como viagens e aposentadoria.

  1. Reserva financeira

Além de pagar as contas diárias, também é necessário estar preparado para qualquer imprevisto, principalmente relacionado à saúde ou até mesmo o conserto do carro.

Para não entrar em novas dívidas, a orientação é ter uma reserva para atender à estes gastos. 

  1. Seja disciplinado

Esta é a principal dica para quem quer organizar a vida financeira, pois, a falta de disciplina faz com que percamos de vista os objetivos.

Assim, todas as outras ações são sustentadas pela disciplina em manter seu orçamento definido e controlar os gastos. 

  1. Use a tecnologia

Seja para economizar, criar reservas ou investir, você pode contar com ferramentas que atualmente fazem a gestão do seu dinheiro.

Confira uma seleção das melhores opções e tenha controle sobre suas decisões:

  • Organizze: aplicativo que faz o gerenciamento de suas contas e gera relatórios sobre suas transações. O app também emite alertas relacionados às que precisam ser pagas e possibilita o controle de seus cartões de crédito, para que você não esqueça de algum boleto.
  • Wallet: é possível fazer o lançamento de seus rendimentos e gastos, analisar gráficos de suas transações, sincronizar suas contas bancárias e, ainda, compartilhar os dados com a sua família, por exemplo. 
  • Mobills: também emite alertas por e-mail e as notificações auxiliam no lembrete de prazos de vencimento. Além disso, é possível definir metas e objetivos para quem quer economizar. 
  • Guiabolso: além de funcionalidades que são padrão também é possível acessar comparação de índice financeiro com outras pessoas de mesmo perfil e pode rastrear tanto o seu CPF e score quando precisar. 

Por Samara Arruda