Empréstimo consignado do Auxílio Brasil. Quando será liberado?

Já foi autorizada a medida que libera empréstimos consignados aos beneficiários do Auxílio Brasil. 

No início deste mês, mais precisamente no dia 07 de julho, o plenário do Senado Federal aprovou a Medida Provisória (MP 1.106) que viabiliza a liberação de créditos consignados aos beneficiários do Auxílio Brasil

Diante disso, as mais de 18 milhões de famílias que integram o programa social, poderão utilizar até 40% do valor que recebem do benefício para pagar as parcelas do empréstimo. Outra novidade, é que os consignados também estarão disponíveis, nas mesmas condições, aos cidadãos contemplados pelo Benefício de Prestação Continuada (BPC/Loas). 

Em razão da nova aprovação do senado, milhares de brasileiros já anseiam por novas informações sobre a liberação, como em quais bancos os empréstimos poderão ser contratados, Contudo, apesar da autorização, ainda não é possível solicitar os créditos consignados, de modo que diversos usuários do Auxílio Brasil já pressionam o Ministério da Cidadania, quanto a liberação efetiva da modalidade. 

O que é empréstimo consignado? 

Para uma melhor compreensão do tema, é essencial saber como funciona a concessão de crédito através da categoria de consignado. Em suma, o empréstimo é descontado diretamente da folha de pagamento do contratante, seja do salário ou benefício. 

A modalidade, recém autorizada aos beneficiários do Auxílio Brasil, tradicionalmente é liberada a servidores públicos, ou a aposentados e pensionistas do INSS. Isto porque, ambos os grupos possuem uma maior garantia de renda mensal, o que justamente, é utilizado para para pagar as parcelas do empréstimo. 

No empréstimo consignado, o contratante, basicamente, coloca a própria renda como uma garantia de que a dívida será paga, visto que o desconto é automático. Confira um exemplo a seguir: 

  • Tobias possui um benefício mensal de R$ 1.500; 
  • No empréstimo consignado ele poderá comprometer até 40% deste valor, para o pagamento das parcelas; 
  • Supondo que tobias optou pelo percentual máximo, todo mês, serão descontadas as parcelas de R$ 600 (40% de 1.500) do seu benefício. 

Auxílio Brasil

O Auxílio Brasil trata-se de um programa de transferência de renda, destinado a famílias inscritas no Cadúnico, que estão em situação de pobreza ou extrema pobreza. Atualmente, o benefício é repassado em um valor mensal de R$ 400, entretanto, em breve, os pagamentos devem subir para R$ 600, mediante aprovação de um projeto que tramita no congresso. 

Lembrando que o Auxílio Brasil substituiu o extinto Bolsa Família, de modo que os moldes de pagamento do antigo programa foram mantidos. Isto é, os repasses continuam acontecendo nos últimos dez úteis do mês, conforme o dígito final do Número de Identificação Social (NIS).

Confira o calendário para este mês de julho: 

  • NIS terminado em 1: Recebe dia 18 de julho;
  • NIS terminado em 2: Recebe dia 19 de julho;
  • NIS terminado em 3: Recebe dia 20 de julho;
  • NIS terminado em 4: Recebe dia 21 de julho;
  • NIS terminado em 5: Recebe dia 22 de julho;
  • NIS terminado em 6: Recebe dia 25 de julho;
  • NIS terminado em 7: Recebe dia 26 de julho;
  • NIS terminado em 8: Recebe dia 27 de julho;
  • NIS terminado em 9: Recebe dia 28 de julho;
  • NIS terminado em 0: Recebe dia 30 de julho.

Comentários estão fechados.