Empréstimo para negativados será liberado pela Caixa e Banco do Brasil

As taxas vão variar de acordo com o perfil de cada pessoa

A Caixa Econômica Federal e o Banco do Brasil estão com uma linha de empréstimos para as pessoas que estão com restrições nos órgãos de proteção ao crédito (SPC/Serasa). Ter o nome negativado é um dos principais motivos para não ter acesso a bons empréstimos.

Para quem está precisando de um crédito para pôr a sua vida financeira em dia, os dois bancos estão oferecendo boas taxas de juros.

Empréstimo para negativados

A Caixa libera uma linha de crédito onde você pode usar como garantia o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). As taxas vão variar de acordo com o perfil de cada pessoa que solicitar o empréstimo. Você terá 48 meses para pagar.

Como contratar

Esta linha de crédito está destinada para os trabalhadores que atuam com carteira assinada e estejam de acordo com as regras:

Ter emprego com carteira assinada há, no mínimo, um ano;
Ter conta corrente ou receber salário pela Caixa;
Trabalhar em empresa conveniada com a Caixa.

Neste caso, você vai oferecer o seu saldo no FGTS como garantia de pagamento. O limite é de até 10% do saldo mais 40% da multa rescisória. Você não pagando a sua dívida na data estipulada, a Caixa pode debitar o valor da conta do trabalhador no fundo.

O trabalhador vai poder solicitar um valor que seja equivalente até a metade de seu salário. Será possível solicitar em um dos terminais de autoatendimento, nas agências da Caixa ou no Internet Banking.

Empréstimo para negativados Banco do Brasil

O Banco do Brasil oferece uma outra opção para os negativados. Ao contratar a linha de crédito, você terá uma carência de até seis meses para realizar o pagamento da primeira parcela. Sendo que será possível parcelar em 96 vezes. Desde que você cumpra os seguintes requisitos:

Ter mais de 18 anos;
Comprovar renda suficiente para quitar as prestações;
Ter conta corrente em qualquer banco reconhecido pelo Banco Central (não é necessário ser no Banco do Brasil).

Taxas de juros

As taxas oferecidas pelo Banco do Brasil são bem atrativas, elas vão variar entre 2,5% até 3,5% mesmo estando a pessoa negativada. Quem fizer a portabilidade do salário para o BB, a cobrança será ainda menor. O negativado para contratar o empréstimo precisará verificar se a empresa onde trabalha mantém convênio com o Banco do Brasil.
Para solicitar o empréstimo, você deverá ir a uma agência bancária ou acessar o site do Banco do Brasil.

Comentários estão fechados.