O que é?

O leiaute S-1060 – Tabela de Ambientes de Trabalho requer que todos os ambientes internos e externos onde tenha Trabalhadores, mesmo que sem risco sejam declarados ao eSocial.

Tais ambientes serão utilizados para o preenchimento dos eventos S-2240 – Condições Ambientais de Trabalho – Fatores de Risco, no qual cada empregado será vinculado ao(s) ambiente(s) da empresa em que exerce suas atividades.


Estas informações serão utilizadas para elaboração do Perfil Profissiográfico Previdenciário – PPP do empregado.

Segundo as Normas Regulamentadoras do Ministério do Trabalho e Emprego, deve haver atualização anual das informações relativas ao ambiente de trabalho e sempre que houver alterações nos ambientes.

Portanto, a exigência de envio da Tabela de Ambientes vem sanar uma deficiência de registro administrativo da maioria das empresas. É comum as empresas terem como local de trabalho do empregado o centro de custo contábil, mas este registro não atende 100% a relação de locais de realização de serviço dos empregados.

No eSocial existe uma tabela de lotação tributária para fins fiscais e contábeis e esta tabela de ambientes é exclusiva para SST.

Como Criar a Tabela TABELA S-1060 ?

A Nota de Documentação Evolutiva – NDE nº 01/2018 – Versão 1.0 e a Versão 2.0, publicada em 30/05/2018 e 14/09/2018, e agora concatenada na versão eSocial 2.5 trouxe novas considerações para este leitaute. Citamos abaixo algumas delas:

  • Descrição do ambiente de trabalho, foi alterada a quantidade de caracteres na “Descrição do Ambiente de Trabalho” de 999 para 8.000 caracteres;
  • Excluído os grupos {fatorRisco} e respectivos campos, ou seja, não é necessário vincular os riscos ambientais (Tabela 23) aos ambientes de trabalho;
  • localAmb / dadosAmbiente, agora tem 03 opções referentes ao tipo do local da prestação de serviços:

1 – Estabelecimento do próprio empregador;


2 – Estabelecimento de terceiros;

3 – Prestação de serviços em instalações de terceiros não consideradas como lotações dos tipos 03 a 09 da Tabela 10 – Tipos de Lotação Tributária.

Assim a empresa deverá realizar o levantamento de todos os Ambientes Internos e Externos onde tenha Trabalhadores empregados, estagiários, aprendizes e terceiros e fornecer aos prestador de serviços de laudos, para planejamento de renovação e adequação ao documento no formato exigido pelo eSocial.

Realizar o levantamento de todos os riscos que a empresa já conhece do processo de trabalho, aqueles detectados em fiscalizações, denúncias, processos trabalhistas, perícias e os produtos químicos comprados do ano anterior até a presente data, levantados no Departamento de Compras. Tendo como guia a Tabela 23 do eSocial assinalando nela os riscos reconhecidos pela empresa.

Portanto, fornecer a Tabela 23 personalizada da empresa para o prestador de serviços de laudos; se for o caso, para planejamento, renovação e adequação no formato exigido pelo eSocial.

DICA: É hora de se capacitar e se especializar em departamento pessoal e eSocial

Como você pode perceber, o eSocial traz muitas mudanças importantes e é preciso ter atenção redobrada para estar preparado, ainda mais agora com os prazos de implantação do programa se aproximando.

Sendo assim gostaríamos que conhecessem nosso treinamento completo e totalmente na prática de departamento pessoal e eSocial para contadores. Aprenda todos os detalhes do departamento pessoal de forma simples e descomplicada. Saiba tudo sobre regras, documentos, procedimentos, leis e tudo que envolve o setor, além de dominar o eSocial por completa. Essa é a sua grande oportunidade de aprender todos os procedimentos na prática com profissionais experientes e atuantes no segmento, clique aqui acesse já!

Conteúdo original Inter System