Estou desempregado, quais são meus benefícios do governo?

A profunda crise econômica pela qual passa o Brasil levou grande parte da força produtiva do país ao desemprego. Segundo o IBGE, no ano de 2017 mais de treze milhões de brasileiros estão desempregados. Neste quadro, muitos trabalhadores optam por trabalhos informais – os famosos “bicos” – e outros continuam tentando arrumar um novo emprego, indo atrás de vagas e enviando currículos. No entanto, quando a situação se torna mais difícil, muitos desempregados tentam recorrer ao governo para conseguir suprir suas necessidades básicas. Em umCOMO vamos responder a seguinte dúvida: “Estou desempregado, tenho direito a algum benefício do governo?” – confira a seguir!

Ajuda financeira do governo para desempregados: benefícios para desempregados

Desempregado é aquele indivíduo que não tem emprego no momento, mas está a procura de um. Todas as sociedades contam com algum nível de desemprego, contudo, quando esse índice se torna muito alto, diversos problemas começam a se manifestar na economia do país. Por isso, existem programas de ajuda financeira do governo para desempregados – no Brasil, a maioria deles passa pelo Cadastro Único da Caixa Econômica Federal. Veja como abrir uma conta corrente na Caixa!

Podem se registrar no Cadastro Único as famílias que ganham até meio salário mínimo por pessoa ou que recebam uma renda mensal total de três salários mínimos para toda a família[1]. O cadastro nesse programa é muito importante porque é através dele que o governo irá escolher as famílias a serem beneficiadas por diversos programas sociais. Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Tarifa Social de Energia Elétrica, são alguns dos benefícios para desempregados que o governo brasileiro oferece.

Para receber ajuda financeira do governo para desempregados por meio do Cadastro Único você deve:

  1. Procurar o Centro de Referência em Assistência Social (CRAS) da sua cidade e solicitar o cadastramento;
  2. Levar o CPF e o título de eleitor do responsável pela família (o programa dá preferência às mulheres);
  3. Levar um documento de cada membro da família (RG, certidão de nascimento, carteira de trabalho, etc);
  4. Levar um comprovante de residência.

Depois de fazer seu Cadastro Único, sua família poderá ser selecionada para receber algum dos benefícios para desempregados.

Bolsa auxílio desempregado: desempregado tem direito a Bolsa Família?

Para diminuir a pobreza ou extrema pobreza em que algumas famílias se encontram, há alguns programas no país de bolsa auxílio desempregado – entre eles está o Bolsa Família. Desempregado tem direito à Bolsa Família – este é um programa do governo brasileiro que visa promover a cidadania atuando no combate à fome e garantindo acesso à saúde e à educação às famílias mais socialmente vulneráveis. Contudo, antes é necessário fazer o Cadastro Único, como foi explicado acima.

Após o cadastro, você deverá esperar uma resposta do governo para confirmar ou recusar o benefício – a seleção das famílias beneficiárias é feita todo mês. Caso sua família seja selecionada, o valor a ser recebido irá variar a depender de certas especificidades da família (número de filhos, renda mensal, etc).

Para continuar recebendo o benefício, a família tem que cumprir algumas exigências do programa, como vacinar as crianças e mandá-las à escola, sob pena de perder o acesso a renda disponibilizada pelo programa.

Desempregado tem direito a auxílio doença?

Contribuir com a Previdência Social é uma forma de se precaver quanto ao futuro. O INSS não abarca somente as aposentadorias, como também diversos benefícios como a pensão por morte, o auxílio reclusão e o auxílio doença – um benefício dado aos trabalhadores contribuintes do INSS que tiveram que se afastar da função por motivo de enfermidade física ou psíquica. No entanto, quando se está desempregado, surge a dúvida: desempregado tem direito à auxílio doença? A resposta para essa pergunta varia de caso a caso.

Segundo a Previdência[2], os desempregados que têm direito a auxílio doença são aqueles que colaboravam com a previdência e que perderam o emprego em um tempo inferior a doze meses. O desempregado tem direito a um período de graça por doze meses após perder o emprego, onde pode solicitar os benefícios do INSS como o auxílio doença.

Depois do fim do período de graça, o desempregado deve voltar a contribuir com a Previdência Social. É possível pagar o INSS como contribuinte individual (trabalhador por conta própria) ou como contribuinte facultativo (desempregado que contribui com a Previdência mesmo assim).

Referências

13 COMMENTS

  1. Tenho só um olho uso prótese ocular e estou desempregada um ano e meio tenho direito a algum benefício. Aguardo respostas.

  2. Eu estou desesperada a dois anos, eu tentei me aposentar e não consegui pois falta 8 anos pela lei nova, sustento uma irmã desempregada com 2 filhos pequenos, minha mãe idosa que eu não consigo aposentar, eu e meus dois filhos que ainda não conseguem trabalhar, e mais um irmão que também ficou desempregado e conseguiu um bico para ganhar 400 reais por mês, e consegui 130 reais de bolsa família. Eu me sinto excluída do mundo hoje em dia sempre que vou procurar emprego vou andando e volto andando, faltam as coisas dentro de casa, é uma situação constrangedora, e eu estou fazendo um tudo para sair desta situação… O governo não está nem aí, somos apenas números…

  3. Recebo 82 reais de bolsa família pago aluguel duas crianças só Deus conheço pessoas que tem tudo e recebe 800 e triste pouca vergonha

  4. É uma pouca vergonha! Como vou pagar inss se estou desempregado não tenho uma renda para sobre vive.faco bico de dia para comer a noite….nao tem emorego para pessoas idosa.caramba

  5. É isso aí mesmo Dejaci, suas palavras foram bem colocadas, e é uma pena que a maioria dos brasileiros não tenham essa consciência.

  6. Este é o país que vivemos, temos a arma na mão que é o voto no entanto vc. não vota para Ministro (cargo mais importante do país), somos “enganados”, se quer fazer uma inscrição para trabalhar num órgão público qualquer tem que pagar e ser concursado, não importa se o trabalho irá pagar apenas 1 mil reais ou não, no entanto ministros e até a “tóga da capa preta” tem o luxo de receberem alto salários sem prestarem concurso algum, tudo em troca de favores seja qual partido for, ainda tem aqueles que assim falsificam diplomas (ministros: veja google) e não acontece nada de punição. Enquanto pagamos INSS por muitos anos não temos direito a nada, enquanto outros recebem auxílio reclusão e bolsa crack só para continuarem com seus vícios. Votei no pilantra do Lula por duas vezes, (se arrependimento matasse) PORÉM NÃO SOU IGNORANTE AO PONTO DE QUERER DEFENDER ESTE OU QUELE POLÍTICO CORRUPTO.
    Tem que penhorar todos bens destes pilantras, onde já se viu filho do petralha já é rico sem ter trabalhado nem 10 anos? Lamento, enquanto conviver-mos com esse regime presidencialista não teremos nada que possa tirar desse “buraco”, são 30 anos de corrupção, cada qual no seu estado fazendo o que bem quer para uso próprio; CIRO GOMES, JOSÉ SARNEI, RENAN CALHEIROS, AÉCIO NEVES… E NEM PRECISA FALAR QUEM MAIS. Como voc~e vai votar num país que tem Gilmar mendes comandando o “tráfico” de bandidos… ? Como você pode votar num partido chamado PCdB sendo que nem existe mais onde foi fundado. (China e Russia). Estou com o novo governo Bolsonaro, porém não adianta querer milagre, foram 30 anos de corrupção e quase metade 14 só no governo PETISTA. Como cobrar algo se a maioria podre do pé de laranja não tem cura? Oro pela nação pois se depender desse regime falso presidencialismo… estamos ferrados.

  7. Eu tive que para de trabalhar para cuidar da minha mae idosa trabalhei vinte oito anos não consigo aposentar o nosso governo não ajuda os pobres em nada os ricos tem benefícios os pobres só se fode

  8. Eu e minha esposa esto mos desempregado temos direito ao auxilio doença tenho mais de 308 contribuição paga na previdencia por sua ves a previdencia não me da o meu direito de eu me aposenta e pelo outro lado eu estou muito velho pra vouta a trabalhar as empresas não me dão emprego não tenho pra honde corre

  9. Isso é uma pouca vergonha enquanto os governantes do nosso país comem do bom e do melhor ficam as migalhas para nós que somos pobres estou muito triste eu gostaria que tivesse emprego para não precisar dessas migalhas,que nossos governantes nos dão

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.