Estudante de contabilidade pede ajuda para prótese após ter pé amputado em acidente de trem




Maquinista não parou após passageiros alertarem que Karine, de 19 anos, havia ficado presa na porta

A estudante de contabilidade Karine Cavalcante, de 19 anos, pede ajuda para conseguir uma prótese para o pé amputado após um acidente em uma estação da SuperVia. No dia 26 de junho, a jovem iria embarcar na estação de Santa Cruz, na zona oeste, em direção à região central do Rio. No momento do embarque, a porta do vagão fechou de repente e a mão dela ficou presa. Alguns passageiros tentaram alertar o maquinista, que continuou a viagem. Karine foi arrastada por alguns metros e caiu no vão entre o trem e a plataforma. No chão, não conseguiu tirar o pé e foi atropelada pelo trem.


Na ocasião do acidente, Karine estava em um estágio novo havia quatro dias. Ela comemorava o resultado positivo em um rigoroso processo em uma instituição pública de financiamento social e econômico. Apesar do imprevisto, ela afirma que foi apenas uma “pausa nos sonhos”.
— Graças a Deus estou bem. Eu tenho a minha vida inteira e meus sonhos não foram parados

Matéria Completa: https://noticias.r7.com/rio-de-janeiro/fotos/jovem-pede-ajuda-para-protese-apos-ter-pe-amputado-em-acidente-de-trem-sonhos-nao-foram-parados-09072015#!/foto/1

[useful_banner_manager banners=18 count=1]

Comente no Facebook

Comentários

Facebook Comments Plugin Powered byVivacity Infotech Pvt. Ltd.

Anúncios