Experiências de Pagamentos Mais Limpas. O que são e como utilizá-las?

0

Em 2020, assistimos o mundo enfrentar e se adaptar a um novo inimigo: a covid-19.

Já comentamos sobre isso anteriormente por aqui, a pandemia mudou a forma de estudar, se divertir, trabalhar e, também, de fazer negócios.

Mudou o jeito de nos relacionarmos uns com os outros e o mundo ao nosso redor.

A retomada gradativa das atividades econômicas, no entanto, exigiu dos estabelecimentos ainda mais adaptações para a preservação da saúde dos funcionários e clientes.

Atitudes como o distanciamento social seguro, a distribuição de máscaras e álcool em gel e o cuidado com aglomerações em ambientes fechados já é uma realidade absorvida pela maioria das pessoas.

Mas o varejo tem se preocupado, também, em como manter as vendas aquecidas de forma segura.

É um movimento que vem crescendo dia a dia e que recebeu o nome de Experiências de Pagamentos Mais Limpas.

Basicamente, consiste em um conjunto de boas práticas, somado a novas tecnologias e formas de oferecer possibilidades de pagamento que independem do contato físico e, em alguns casos, até mesmo de uma máquina de cartões.

Pagamentos digitais e por aproximação, por exemplo, já são uma realidade em muitos estabelecimentos que contam com soluções tecnológicas, inclusive oferecidas também pela Bmg Granito.

A utilização é bem simples, basta que a loja envie o Link de Pagamento por WhatsApp e o cliente acessa o checkout de pagamento no próprio celular.

Já as máquinas com tecnologia por aproximação recebem pagamentos de cartões, celulares e smartwatches apenas deixando-os próximos do sensor, sem precisar encostar no aparelho.

Designed by @yanalya / freepik
Designed by @yanalya / freepik

Além dessas facilidades de pagamento, muitos estabelecimentos oferecem ainda uma série de atrativos que reforçam as boas práticas de relacionamento com o público.

E são algumas dicas dessas que deixo a seguir:

  1. Comunicar essas facilidades oferecidas, deixando o consumidor mais tranquilo para comprar.
  2. Desinfetar, frequentemente, as máquinas de cartão, utilizando um pano umedecido com álcool 70º. Importante: jamais espirre o álcool diretamente na máquina.
  3. Disponibilizar álcool em gel e máscaras descartáveis aos funcionários e clientes, com fácil acesso.
  4. Para os funcionários do caixa, o ideal é o uso de face shield, aquela máscara transparente que protege a face inteira, inclusive os olhos.
  5. A máquina de cartão deve estar sempre ao alcance do cliente, para os pagamentos por aproximação.
  6. Evite manipular o cartão dos clientes. O ideal é que o próprio cliente o insira na máquina.
  7. Incentivar os pagamentos por aproximação e meios digitais, assim como as compras online.

Um pequeno gesto faz uma enorme diferença. E, juntos, saíremos melhores disso tudo.

Por Rodrigo Luiz Teixeira